MÚSICA

5 coisas que você precisa saber sobre os Chainsmokers

Author

Se você ainda não conhece os Chainsmokers, faça um favor a si mesmo e comece a ouvir essa dupla americana que faz um som às vezes indie, às vezes pop, às vezes hip hop e quase sempre eletrônico.

5 coisas que você precisa saber sobre os Chainsmokers

Ano passado, Drew Taggart e Alex Pall emplacaram três hits no top 10 americano, inclusive com o single “Closer” ficando 12 semanas como número 1. Com tudo isso, os Chainsmokers ganharam uma indicação para Melhor Artista Revelação (ou “Best New Artist”) no Grammy de 2017. E sabe o que mais?

1. Eles querem fazer músicas “pessoais”

Quem ouve “Closer” consegue ver a influência de bandas como Dashboard Confessional e Blink-182, que faziam letras inspiradas em sentimentos pessoais. Pall diz que o importante é dizer exatamente o que está se sentindo, em vez de usar metáforas e analogias esquisitas como “abrindo as asas”.

2. Eles têm fãs por toda a parte

Inclusive entre celebridades. Bono (U2) é um deles. Outro é o saxofonista Donny McCaslin, que gravou com David Bowie. McCaslin inclusive gravou um cover de uma música dos Chainsmokers em seu álbum Beyond Now.

3. Eles são ótimos caça-talentos

Drew e Alex pediram que Daya fizesse os vocais em “Don’t Let Me Down” muito antes de ela começar a fazer sucesso com “Hideaway”. Em “All We Know”, eles trabalharam com Phoebe Ryan, famosa nos bastidores por escrever para nomes como Britney Spears.

4. Eles não se dão muito bem com Mark Ronson

O cantor, DJ e produtor inglês não ficou muito feliz ao ler que os Chainsmokers não gostaram de “Perfect Illusion”, de Lady Gaga. Sim, Ronson ajudou a produzir a faixa. Ronson usou sua conta no Twitter para dizer que a dupla não tem carisma - entre outros impropérios.

5. Eles bebem

Sim, bebem. E muito. Dizem até que fazer música é seu segundo maior talento. Mas ninguém vai vê-los saindo tortos de uma casa noturna. Pelo menos é isso que garantiu Taggart em uma entrevista para a Billboard. “Bebemos bem demais para isso.”