DINHEIRO

Laptop insano para games custa US$ 9000. Veja por quê!

Author

Nem todo mundo curte videogames em consoles caseiros. PlayStations e Xboxes não são nada unânimes. Muita gente ainda prefere jogar no computador, e isso vale para qualquer tipo de jogo. Ação, tiro, estratégia, esporte, tudo mesmo. E é pensando nessa turma que vários fabricantes colocam no mercado computadores e laptops especialmente turbinados para isso.

Laptop insano para games custa US$ 9000. Veja por quê!

O modelo mais recente a abalar o mercado é o laptop Predator 21X, da Acer, uma supermáquina que custa US$ 9000, mais do que quatro vezes o preço de um MacBook Pro, o novíssimo e caríssimo laptop da Apple. Mas por que diabos um laptop custa tanto assim, ainda mais pesando OITO QUILOS!??!

Bom, para começar, a questão é que a Acer não montou esse laptop para gente que precisa andar para cima e para baixo com ele o tempo inteiro. O formato de laptop é só para facilitar o transporte. Afinal, mesmo pesando oito quilos, é mais fácil de carregar por aí do que arrastar uma torre, um monitor, um teclado e um mouse, né?

Logo que você tira da caixa, o Predator 21X impressiona. Ele tem uma tela curva (!!!) de 21 polegadas e resolução de 2560x1080 e duas (!!!) placas de vídeo Nvidia GeForce GTX 1080. Ou seja, você roda qualquer jogo com qualquer qualidade gráfica. Além disso, a supermáquina da Acer vem com um processador Intel Core de sétima geração (que depende da configuração que você escolher na hora da compra).

E não para por aí. Abaixo do display, o laptop tem um software que rastreia seus olhos, o que te permite usar apenas os olhos (!!!) para realizar tarefas em alguns games. É possível mirar em inimigos apenas olhando para a tela!!! Haja exclamação.

Laptop insano para games custa US$ 9000. Veja por quê!

Mas se o laptop faz tudo isso, a chance de ele superaquecer é grande, não? Seria se o Predator r1X fosse um laptop normal. Não é o caso. Ele vem com cinco (!!!) ventiladores justamente para evitar isso.

Mas será que um laptop tão caro assim vende bem? A verdade é que a Acer não parece preocupada demais com isso. Ela vem tratando o Predator 21X como muitos fabricantes de automóveis tratam seus supercarros. É mais uma questão de “nós somos capazes de fazer” e de “compra quem pode” do que de atingir um sucesso mercadológico. E fala a verdade… Você queria um desses, não queria?