ESPORTES

Com disputas emocionantes, Olimpíada TESTA OS NERVOS dos brasileiros

Author

HAJA CORAÇÃO. O bordão de Galvão Bueno nunca esteve tão presente para os brasileiros como nesta Olimpíada do Rio. A adrenalina nas disputas de nossas equipes e atletas virou um verdadeiro teste para cardíaco.

Vamos relembrar (agora sem tanta tensão, por favor)?

Futebol feminino
Duvido alguém que não tenha roído unhas, se descabelado e até soltado um palavrão com a tensa disputa das quartas de final do futebol feminino entre Brasil x Austrália. MEU DEUS.

Com disputas emocionantes, Olimpíada TESTA OS NERVOS dos brasileiros

Marta e cia. nos deixaram nervosos do início ao fim. Bola na trave das rivais na prorrogação e depois Marta perdendo o último pênalti. A goleira BÁRBARA honrou o nome, nos salvou da queda precoce e depois garantiu a vaga. GIGANTE.

Com disputas emocionantes, Olimpíada TESTA OS NERVOS dos brasileiros

Talita e Larissa
As favoritas ao ouro no vôlei de praia fizeram muita gente pensar que mais uma vez teríamos uma frustração nos jogos do Rio. Diante das suíças Nadine Zumkehr e Joana Heidrich pelas quartas de final, elas tiveram de salvar três match points no segundo set, levaram a decisão ao tie-break, saíram atrás, mas buscaram a virada e a vaga com 21/23, 27/25 e 15/13. Caramba, que nervosismo!

Com disputas emocionantes, Olimpíada TESTA OS NERVOS dos brasileiros

Basquete masculino
Se tem um time que surgiu para testar nossos nervos, este é o de basquete. O que foram os jogos diante de Espanha e Argentina? Contra os espanhóis, buscamos o triunfo com tapinha de Marquinhos nos segundos finais.

Com disputas emocionantes, Olimpíada TESTA OS NERVOS dos brasileiros

Já contra os hermanos, desperdiçamos as chances no tempo normal, ao ceder o 85 x 85 em cesta de três a 3 segundos do fim. Depois falhamos em bolas decisivas nas duas prorrogações. Caímos por 111 a 107.

Prata e bronze na ginástica
Não foi fácil a redenção de Diego Hypólito no solo. Após tombos de cara e de bumbum nos dois últimos Jogos, desta vez ele fez bela série e depois, ficou na torcida. Arthur Nory também brilhou, mas restavam três competidores. Os ginastas brasileiros tremiam, mordiam dedos e, a cada erro rival, a certeza de medalha aumentava. Sofremos junto com nossa dupla, mas no final festejamos duas medalhas.

Com disputas emocionantes, Olimpíada TESTA OS NERVOS dos brasileiros

Empate sofrido
O time de handebol masculino mostrou que é cascudo diante do atrevido Egito. Passou o tempo todo atrás do marcador, mas buscou a importante igualdade nos segundos finais.

Com disputas emocionantes, Olimpíada TESTA OS NERVOS dos brasileiros

Felipe Kitadai
Brasileiro perdia sua luta de estreia diante de Walide Khyar, da França, quando virou com um golpe a cinco segundos do fim.

Com disputas emocionantes, Olimpíada TESTA OS NERVOS dos brasileiros

Rafaela Silva
A brasileira que foi desclassificada em Londres 2012, ganhou a medalha de ouro em luta tensa diante da mongol Sumiya Dorjsuren.

Com disputas emocionantes, Olimpíada TESTA OS NERVOS dos brasileiros

Último tiro
Felipe Wu buscou uma bela virada no final da pistola de ar de 10 metros e já se preparava para festejar o ouro quando, no último e perfeito tiro, Xuan Vinh Hoang, do Vietnã, mudou a cor da medalha do brasileiro. Deu prata, tudo bem. 

Com disputas emocionantes, Olimpíada TESTA OS NERVOS dos brasileiros

#rio2016 #tenso #marta