FUTEBOL

Atacante tem contrato suspenso no Santos para cuidar de depressão

Author

Ele voltou ao Brasil para recuperar a felicidade em jogar futebol. Aos 33 anos, buscaria a redenção na carreira com a camisa do Santos depois de um ano sem atuar no Oriente Médio. Assinou contrato até o fim de 2018, aprimorou a forma física, mas na hora de entrar em campo... teve o vínculo suspenso para tratar a depressão.

Atacante tem contrato suspenso no Santos para cuidar de depressão

Nas duas últimas partidas (Barcelona-EQU e Botafogo), a justificativa para a ausência de Nilmar dos relacionados era uma conjuntivite. O Santos, contudo, assumiu que o atacante está com depressão, como noticiado pelo Uol, e anunciou a suspensão do contrato para tratamento.

"O Santos FC acatou a solicitação do atleta Nilmar para cumprir um afastamento temporário, sem ônus para o clube, para tratar de questões de saúde, com a anuência do Departamento Médico. A diretoria dará o apoio necessário para que sua reintegração ocorra o mais breve possível."

O Santos vai arcar com os gastos do tratamento médico e psicológico e espera reativar o contrato logo. Nilmar já vinha apresentando alto índice de estresse e até teve paralisação facial após o jogo com o Cruzeiro.

O tempo inativo no Oriente Médio (não defendia o Al Nasr desde maio de 2016) pode ter contribuído para a não produção de serotonina, noradrenalina e dopamina, substâncias geradas pela prática do futebol e que a ausência teria contribuído para a depressão. Com tratamento adequado, Nilmar tem tudo para voltar em breve. Fica a nossa torcida.

Atacante tem contrato suspenso no Santos para cuidar de depressão
Atacante tem contrato suspenso no Santos para cuidar de depressão
Atacante tem contrato suspenso no Santos para cuidar de depressão