FUTEBOL

Botafogo tenta se reerguer sob a direção de técnico que se destacou em rivais

Author

A diretoria do Botafogo trabalhou rápido para superar a invenção que fez pouco antes da Copa do Mundo ao apostar em Marcos Paquetá, um técnico que estava fora do país havia 14 anos, com a contratação do bom Zé Ricardo, técnico de trabalhos de destaque nos rivais Flamengo e Vasco. Sob nova direção, o Glorioso tem tudo para se reerguer na temporada.

Zé Ricardo ainda não é um treinador de grife no Brasil. Mas sempre realiza trabalhos de destaque e chega sob enorme respaldo no Botafogo. De cara, seu discurso foi de ofensividade e resgate de futebol de enorme entrega é competitividade. Quer resgatar aquele time de Jair Ventura que vendia caro as derrotas e surpreendia os favoritos.

E nem duvide se a resposta do Fogão vier rápida. Zé Ricardo iniciou seus trabalhos em Flamengo e Vasco com arrancadas, vitórias em série e futebol vistoso.

Que tudo de bom se repita. Sua estreia será em duelo decisivo contra o Nacional do Paraguai, quinta-feira, no Rio. Para avançar à terceira fase da Copa Sul-Americana, só uma vitória interessa após 2 a 1 fora. Pelo Brasileirão, o time visitará o Paraná, no domingo. Com Zé Ricardo, as energias se renovam e ouso apostar em dois triunfos. E a volta da paz no clube.

Botafogo tenta se reerguer sob a direção de técnico que se destacou em rivais