FUTEBOL

Clubes investem pesado e agora amargam com os 'micos'

Author

Um possível interesse do Sporting, de Portugal, pelo atacante André, deixou dirigentes corintianos entusiasmados. Não pelo fato de lucrar um dinheiro, mas sim por se livrar de uma contratação errada, cara e que não se tornou realidade e virou um verdadeiro mico no clube.

André não emplacou sequência de gols como todos imaginavam, já virou persona non grata para a torcida e é bastante vaiado pela torcida pela omissão em campo e falta de disposição.

Como o Corinthians, todos os grandes clubes do País têm ao menos um 'mico' no elenco.

Jogadores que chegaram para assumir a posição e se destacar hoje pouco são aproveitados e os dirigentes não vêem a hora de rescindir o contrato.

Normalmente a decepção acontece com nomes do meio para a frente. Ora por falta de gols, ora por passes errados e pouca disposição em campo. Veja quem decepcionou as diretorias dos 12 grandes do País.

André - Corinthians

Atacante nem foi relacionado diante do Vitória, já perdeu novamente a posição de titular e clube está louco para vendê-lo.

Clubes investem pesado e agora amargam com os 'micos'

Arouca - Palmeiras

Volante chegou para arrumar o meio e nunca se firmou. Série de contusões ainda o atrapalharam. Virou um reserva de luxo, caro, e com outras opções na sua frente.

Clubes investem pesado e agora amargam com os 'micos'

São Paulo - Daniel

Meia chegou do Botafogo cheio de fama, mas sofreu lesão grave e parou por muitos meses. Se recuperou, mas entrou em poucos jogos e já mostrou que o investimento não valeu.

Clubes investem pesado e agora amargam com os 'micos'

Santos - Joel

Atacante camaronês foi contratado para ser o homem de velocidade no elenco. A grosseria apresentada em diversos jogos o jogaram para o fim da fila das opções ofensivas, quase o encostando no grupo.

Clubes investem pesado e agora amargam com os 'micos'

Flamengo - Mugni

Chegou ao Rio em 2014 como grande revelação do futebol argentino. Mas nunca se consolidou no Rubro-Negro. Foi emprestado ao Newell's e ao voltar no meio do ano ficou sabendo que não seria utilizado. Como represália, fica descartando proposta de outros clubes, como Vitória, Atlético-PR e América-MG.

Clubes investem pesado e agora amargam com os 'micos'

Fluminense - Osvaldo

Brilhou no São Paulo, deixou o País e ao retornar ao Rio, não emplacou. Irritou a torcida e foi parar na reserva, agora com fila de opções na sua frente.

Clubes investem pesado e agora amargam com os 'micos'

Botafogo - Rodrigo Pimpão

Voltou para ser o goleador do clube, mas ainda não fez um mísero gol e amarga a reserva.

Clubes investem pesado e agora amargam com os 'micos'

Vasco - Fellype Gabriel

Poucos sabem que o meia está no Vasco. Depois de frustrante passagem no Palmeiras, agora ele faz o mesmo papel no Rio. Só treina, treina e nunca joga.

Clubes investem pesado e agora amargam com os 'micos'

Cruzeiro - Riascos

Voltou sob a confiança dos dirigentes, não rendeu nada e ainda chamou o clube de "merda". Está encostado e agora com salários suspensos.

Clubes investem pesado e agora amargam com os 'micos'

Atlético-MG - Carlos Eduardo

Desde que apareceu no Grêmio em 2007, carrega a fama de craque, mas nunca deslanchou. Agora está encostado no Galo.

Clubes investem pesado e agora amargam com os 'micos'

Grêmio - Henrique Almeida

O Tricolor se gabou de tê-lo contratado em 'chapéu' no rival Inter. Mas nunca se firmou, está na reserva e faz poucos gols.

Clubes investem pesado e agora amargam com os 'micos'

Internacional - Anderson

O passado gremista parece jogar contra. A torcida começou a pegar no seu pé e ele agora é uma opção no banco pouco utilizada.

Clubes investem pesado e agora amargam com os 'micos'