NOTÍCIAS

Convocação para amistosos decreta fim do sonho de Copa a grandes jogadores

Author

Muita gente estava de olho na última convocação de Tite antes da lista definitiva para a Copa do Mundo. Era a chance derradeira. O treinador trouxe algumas novidades, mas acabou de vez com o sonho de alguns grandes jogadores estarem no Mundial da Rússia.

Convocação para amistosos decreta fim do sonho de Copa a grandes jogadores

Tite ainda se esforçou na coletiva para dizer que nada está definitivo. Citou que nomes como Lucas Lima, Diego e Giuliano não estão fora dos planos. Dos três, quem mais tem chances é o último, convocado com mais frequência no passado. Os demais devem se juntar a muita gente boa que terá de ficar na torcida pela TV.

Na chance final de observar novas opções, Tite mostrou que não vai ceder ao clamor popular pelo goleiro santista Vanderlei, por exemplo. Ele resolveu "observar" Neto, do Valencia, que não era convocado havia três anos. Deixou até o queridinho Cássio fora desta vez.

Na defesa, já com três nomes definidos para o Mundial (Marquinhos, Miranda e Thiago Silva), a vaga deve ser mesmo de Geromel, apesar de Rodrigo Caio ainda nutrir uma esperança mínima.

Ou seja, Gil, que começou na caminhada de Tite na seleção, está fora de vez. Assim como David Luiz, nome que Tite gostaria de recuperar. Encostado no Chelsea ficou difícil.

Mas é do meio para a frente que a porta para nomes de peso foi fechada de vez. Lucas Lima podia estar entre os 25 chamados para encarar Rússia e Alemanha. Tite optou por Anderson Talisca, do Besiktas, convocado pela primeira vez. Rodriguinho e Jadson acreditavam numa lembrança, assim como Hernanes e Lucas Moura e agora devem esquecer a Copa de vez.

Sem Neymar, contundido, o ataque era um setor com muito candidato. Jô, Jonas, Diego Tardelli, Diego Souza, Luan, Dudu... Todos podiam estar na lista. O 9 escolhido por Tite, para espanto geral, foi Willian José, do Real Sociedad. E o atacante de beirada escolhido foi Taison, há 20 jogos sem marcar um mísero gol ou dar uma assistência no Shakhtar Donetsk.

Tite não abre mão de suas convicções, e agora nos resta torcer para que estejam certas. Ou, mais uma vez, vamos chorar a perda de uma Copa por causa de alguma(s) ausências.

Convocação para amistosos decreta fim do sonho de Copa a grandes jogadores
Convocação para amistosos decreta fim do sonho de Copa a grandes jogadores