Copa acaba e no primeiro jogo do futebol brasileiro destaque é o rato invasor

A Copa do Mundo da Rússia foi um sucesso tão grande que a volta da elite brasileira aos gramados tinha de contar com algo marcante. Se os gringos se entusiasmaram com o Zabivaka e nosso Canarinho Pistola alegrou os jogos da seleção brasileira, São Januário viu surgiu o novo mascote vascaíno: o rato invasor. Ao menos nas redes sociais o roedor que adentrou o gramado e chamou a atenção durante a eliminação dos cariocas na Copa do Brasil diante do Bahia já ganhou tal nomenclatura. Alguns o chamaram de Ratitic, alusão ao meia croata Rakitic. Óbvio que tudo não passa de uma brincadeira da torcida cruzmaltina para diminuir o impacto da vergonha. Mas nada repercutiu mais nessas últimas horas do que aparição do bichinho. Ou bichão, já que como muito bem o narrador disse, estava bem gordo, forte e alimentado. Bom humor de um lado, tiração de sarro dos rivais. O jogo estava 2 a 0 para o Vasco, faltava um gol para evitar a eliminação - ele não saiu - quando lá estava o rato desfilando pelo gramado. Queria substituir alguém? Mostrar que manja de bola? Para um duelo pós-Copa numa segunda-feira de ressaca para amantes do bom futebol, o rato se tornou um símbolo da nossa decadência. De onde veio e para onde vai, ninguém sabe, mas que não volte, afinal já virou motivo de chacota.

Be the first to like it!

Comments

People also liked

Related stories
1.UK Lawmakers Slam Facebook For Privacy Violations 
2.Top Fashion Designer Karl Lagerfeld Dead At 85
3.If You Worry Too Much, Say ‘Pyt’ As The Danes Do
4.Researchers Link Diet To Mental Health
5.Survivor Tells Of Fight To Strangle Mountain Lion
6.Failed Coup: Turkey Orders Detention Of Over 1,100 
7.Turning To Dog Faces To Minimize Bias In Hiring
8.Soccer Player Hakeem al-Araibi Freed From Thai Jail
9.Making Millions By Stealing £30,000 From Mom
10.U.S. Has A Brush With China, Now At Sea
500x500
500x500