FUTEBOL

Corinthians amarga segunda eliminação em mata-matas no ano. Invicto em ambas

Author

Num ano de grande sucesso, com conquista do Paulistão e liderança isolada do Brasileirão, o Corinthians de Fábio Carille provou que "ainda não sabe" jogar mata-matas ao amargar a segunda eliminação de 2017. O pior: nas duas quedas deu adeus invicto.

Corinthians amarga segunda eliminação em mata-matas no ano. Invicto em ambas

Com sistema defensivo sólido e um bom contragolpe, o Timão vem sofrendo quando precisa furar retrancas, atacar os rivais, e provou ao não conseguir anotar um mísero gol diante do Racing na Argentina. Como ficou no 1 a 1 na Arena de Itaquera, o 0 a 0 fora acabou custando a vaga nas quartas de final da Copa Sul-Americana.

O líder isolado do Brasileirão já havia sofrido derrotas contra os defensivos Vitória e Atlético-GO e caído na Copa do Brasil, também nos mata-matas, após dois empates com o Internacional e insucesso nos pênaltis.

Ou seja: não basta ficar sem perder, tem de saber ganhar em competições com jogos eliminatórios de ida e volta. E tudo serve de alerta para a Libertadores de 2018, na qual certamente o Corinthians estará e muito provavelmente sob a direção de Fábio Carille, com contrato recém renovado.

Da Argentina vem a lição que jogar a culpa cima da arbitragem é muito pequeno para um time que sonha com conquistas grandes, mas não obriga o goleiro rival a fazer uma defesa sequer. A decepção não doeu tanto por causa da liderança do Brasileirão. Mas...

Corinthians amarga segunda eliminação em mata-matas no ano. Invicto em ambas
Corinthians amarga segunda eliminação em mata-matas no ano. Invicto em ambas
Corinthians amarga segunda eliminação em mata-matas no ano. Invicto em ambas
Corinthians amarga segunda eliminação em mata-matas no ano. Invicto em ambas
Corinthians amarga segunda eliminação em mata-matas no ano. Invicto em ambas

Fotos: Daniel Augusto Jr./Corinthians