FUTEBOL

Corinthians perde seu grande nome na conquista do hepta. O que fazer sem Jô?

Author

O corintiano que aguardava a visita do Papai Noel recebeu um belo "presente de grego" dias antes do Natal. Em vez de ver o clube anunciar a chegada de reforços, o torcedor chora a venda do atacante Jô para o futebol japonês. O craque do Brasileirão e principal responsável pela conquista do heptacampeonato está de saída. E agora?

Assim como em 2015, mais uma vez o Corinthians passa por desmanche após conquistar o Brasil. Sofreu bastante na época e agora o temor é o mesmo com a perda de seu líder e goleador. Na parte técnica e tática a perda é gigantesca.

O Corinthians que buscava nomes apenas para a reserva do artilheiro e agora terá de repensar sua tática no mercado. É necessário com urgência a chegada de um novo camisa 9. Um nome de peso.

Ou substitui Jô com nome à altura ou realmente o Corinthians pode assumir o rótulo de "quarta força" que ganhou por todos antes de 2017 começar. Pablo, Guilherme Arana e agora Jô. As perdas são enormes para um elenco que já era limitado, apesar de bem treinado e só recebeu Júnior Dutra.

Que os cerca de R$ 43 milhões da venda de Jô ao Nagoya Grampus sejam bem investidos. Ou é melhor o corintiano começar a rezar, pois o raio dificilmente cairá duas vezes no mesmo lugar. Logo em ano de Libertadores.

Corinthians perde seu grande nome na conquista do hepta. O que fazer sem Jô?

Foto: Daniel Augusto Jr/Divulgação