FUTEBOL

Esnobado no Brasil, Robinho "dá show" na Turquia e mostra que ainda é craque

Author

Robinho não queria deixar o futebol brasileiro, fez de tudo para permanecer no país, mas não obteve êxito. Acabou, a contragosto, aceitando proposta do futebol turco em busca de (mais uma) redenção na carreira. Está "deitando e rolando" por lá e mostrando que ainda é craque.

Mesmo passando um tempo na reserva do Atlético-MG, ele fez de tudo para renovar. Os mineiros não o quiseram e abriram mão de seu futebol sem esforço. O atacante ainda se ofereceu para outros clubes, como o Santos e até o Corinthians e... nada de propostas.

Como já não é mais um menino, aos 33 anos ele ergueu as mãos aos céus pela improvável oferta do Sivasspor. Os turcos aceitaram investir num atacante decadente de fim de carreira, a famosa "incógnita".

Pois bem, em sua provável "última chance da carreira", Robinho não se acomodou com o belo salário. Resolveu mostrar que craque não perde a majestade e está jogando o fino da bola em solo turco. Diante de inflamados torcedores, está "representando". Neste fim de semana, por exemplo, foi o "cara" no duelo contra o Osmanlispor.

No triunfo por 3 a 2, nosso eterno camisa 7 (veste a 10 no novo clube) só não fez chover na Turquia. Dribles desconcertantes, assistência e, o melhor, dois belos gols - já havia marcado um de falta. São três jogos realizados pelo Sivasspor e nada de tropeços. Foram duas vitórias e um empate e ascensão ao sexto lugar. E Robinho renasce.

Esnobado no Brasil, Robinho "dá show" na Turquia e mostra que ainda é craque

Foto: Twitter/Sivasspor