FUTEBOL

Europa também vive sua dança dos técnicos. Mas após o fim da temporada

Author

Diferentemente do Brasil, com clubes trocando de comando a toda rodada, na Europa os 'professores' têm um pouco mais de prestígio. Por lá são poucas as demissões ao longo das competições, mas depois da temporada a troca de cadeiras é grande e está a todo vapor.

A grande mudança é a saída de Luiz Enrique do Barcelona. Após quatro anos e muitas conquistas, ele achou que era hora de buscar novos ares.

O destino do Espanhol não está traçado. Por enquanto ele curte as manifestações de carinho de torcedores e jogadores. Apesar de algumas rusgas com o time, saiu com todos reconhecendo seu ótimo trabalho e sendo agradecido.

O substituto é Ernesto Valverde, que estava no Athletic de Bilbao. Ele já foi apresentado e terá a missão de comandar um dos mais ricos e estrelados elencos do futebol mundial.

Europa também vive sua dança dos técnicos. Mas após o fim da temporada

Assim como o Barcelona, outros clubes em evidência no futebol mundial estão sob nova direção, confira:

Borussia Dortmund

Um dos grandes do futebol alemão, o Dortmund vai disputar a nova temporada da Bundesliga e da Champions League sob o comando do holandês Peter Bosz, finalista da Liga Europa com o Ajax. Ele substitui Tomás Tuchel, demitido após o título da Copa da Alemanha.

Europa também vive sua dança dos técnicos. Mas após o fim da temporada

Internazionale

Cansada de vexames nos últimos anos, não disputando nem as competições europeias, a Inter de Milão vai apostar em Luciano Spaletti, que estava na Roma, para voltar a brigar com as potências do país e também do continente.

Europa também vive sua dança dos técnicos. Mas após o fim da temporada

Sevilla

Após perder Jorge Sampaoli para a seleção argentina, o clube apostará em outro hermano: Eduardo Berizzo, que estava no Celta de Vigo, é o substituto.

Europa também vive sua dança dos técnicos. Mas após o fim da temporada

Porto

Sérgio Conceição é o novo comandante do time português para os próximos dois anis. Ele estava no Nantes e substitui Nuno Espírito Santo, que deixou o clube após temporada frustrante.

Europa também vive sua dança dos técnicos. Mas após o fim da temporada

Zenit

Insatisfeita com a terceira colocação no Campeonato Russo e o fracasso nas competições europeias, a direção do Zenit optou pela demissão do romeno Mircea Lucescu e pela contratação do italiano Roberto Mancini. Ele espera repetir o sucesso que teve na Internazionale no clube russo.

Europa também vive sua dança dos técnicos. Mas após o fim da temporada

Leicester

O campeão inglês de duas temporadas atrás não repetiu a bela campanha este ano, mesmo assim avançou ao mata-mata da Champions, no qual caiu diante do Atlético de Madrid, nas quartas. A campanha foi satisfatória e a diretoria resolveu efetivar Craig Shakespeare, que assinou por três temporadas. Ele era interino desde a saída de Cláudio Ranieri.

Europa também vive sua dança dos técnicos. Mas após o fim da temporada

Fiorentina

Em busca de ressurgimento no futebol, a equipe de Florença vai apostar em Stefano Pioli, recentemente demitido da também italiana Internazionale.

Europa também vive sua dança dos técnicos. Mas após o fim da temporada

Além dos novos técnicos confirmados ainda há bastante gente atrás do novo comandante. Roma, Ajax, Nantes...