FUTEBOL

Nunca uma disputa de pênaltis foi tão tranquila: time venceu por... W.O.

Author

Não há momento mais angustiante que a disputa por pênaltis num jogo. Seja por vaga, título ou até acesso, roemos unhas, tampamos os olhos, choramos, ficamos aflitos. É um desespero só. Mas no Chile, a história foi bem diferente. Pelo acesso, o time subiu ganhando por... W.O.

Coisa maluca. Onde estava o adversário que conseguiu levar o jogo para as penalidades e caiu por W.O.? Acontece que a partida entre o Deportes Melipilla e Deportes Vallenar foi remarcada para esta semana após polêmica com a arbitragem.

No dia da decisão, 19 de dezembro, o Vallenar ganhou a decisão por pênaltis após enorme confusão. Juan Silva cobrou o pênalti final com paradinha, o goleiro se adiantou e fez a defesa. Na nova regra da International Board, como os dois cometeram infração, era para o árbitro considerar cobrança perdida.

Ele mandou Silva cobrar de novo, veio a vitória e o time festejou o acesso à Segunda Divisão. Mas as cobranças acabaram remarcadas para essa semana pela Associação Nacional de Futebol Profissional do Chile (ANFP)
e somente os jogadores do Melipilla compareceram.

O time acabou ganhando o acesso e o oponente, que já havia dado férias ao elenco, ironizou a decisão da ANFP ("presenteou o Melipilla com o acesso") e promete recorrer na Fifa. Que lambança.

Nunca uma disputa de pênaltis foi tão tranquila: time venceu por... W.O.