FUTEBOL

Pratto e Leonardo Silva podem ser presos por "gato" de luz em Minas Gerais

Author

O atacante são-paulino Lucas Pratto foi companheiro do zagueiro Leonardo Silva no Atlético-MG. Eles fizeram grande amizade e resolveram abrir uma academia em sociedade em Belo Horizonte. Ela funciona até hoje e pode levar a dupla para a prisão. Tudo por causa de "gato" de luz encontrado mais uma vez no local.

Eles estão sendo acusados pela Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) de desviarem a energia consumida na academia Pratto Fitness, inaugurada em 2015, algo que já havia sido detectado e informado aos proprietários em agosto.

Nada foi feito na época e, de acordo com reportagem do Superesportes, a Cemig mais uma vez fez notificação à dupla. A concessionária realizou uma vistoria no local nesta quinta-feira ao detectar um consumo mínimo de energia na academia. No monitoramento foi encontrado um desvio de energia, com a fiação indo direto do poste para a academia sem passar pelo relógio.

A empresa vai processar os jogadores e a pena prevista em lei para esse delito é de até quatro anos de reclusão. Acho que os jogadores vão passar o fim de ano com menos grana. Ou vão encarar o xadrez por atitude tão feia? Melhor fazer o pagamento.

Pratto e Leonardo Silva podem ser presos por "gato" de luz em Minas Gerais
Pratto e Leonardo Silva podem ser presos por "gato" de luz em Minas Gerais

Fotos: Divulgação