Rico futebol inglês 'imita' o pior do Brasil com recorde de técnicos demitidos

Rico futebol inglês 'imita' o pior do Brasil com recorde de técnicos demitidos

9imitando10

Cultura comum em clubes brasileiros, a troca de técnicos na Inglaterra é, ou era, coisa rara. Mas essa temporada vai terminar com marca expressiva. Pardew foi o 10° treinador a perder o cargo, igualando marca de 2013. Mas outros dois nomes não devem resistir às últimas seis rodadas e cravar o recorde absoluto.

David Wagner, no Huddersfield, e Roy Hodgson, no Crystal Palace, estão por um fio e podem cair já na jornada do fim de semana. Sem contar que Arsène Wenger tem a cabeça pedida pelos jogadores e pode, após inúmeras temporadas, deixar o Arsenal. A diferença daqui para a Inglaterra é que as demissões acontecem (aconteciam) por lá mais na reta final das competições, enquanto os grandes Botafogo, Flamengo, São Paulo e Atlético-MG, por exemplo, não completaram nem três meses com seus comandantes. Isso, sim, é uma vergonha. Dois, três deslizes, e o treinador já não presta e acaba chutado. Contudo, a paciência inglesa desta vez parece bastante abalada. Tudo começou ainda em setembro de 2017, com Frank de Boer demitido pelo Crystal Palace (como você leu acima, o clube já estuda nova troca), depois saíram Craig Shakespeare (Leicester), Ronald Koeman (Everton) e Slaven Bilic (West Ham).

Antes da virada do ano, o mesmo West Bromwich que agora dispensa Alan Pardew, havia demitido o galês Tony Pulis, assim como o Swansea, que abriu mão de Paul Clement. Foram seis trocas em meia temporada. 2018 começou e foi a vez do Stoke City entrar para as estatísticas da dança das cadeiras, com Mark Hughes pagando pelo eliminação na Copa da Inglaterra diante de rival modesto. O oitavo a cair foi o português Marco Silva, do Hatford, e ainda tivemos a dispensa de Maurício Pellegrino, no Southampton, antes dessa saída forçada de Pardew. Ou seja, o que era raro no Campeonato Inglês, agora acontece em times até mais de uma vez num campeonato. É o não é uma imitação dos clubes brasileiros, que chegam a trocar até quatro treinadores num único ano? Infelizmente o feio do futebol se propaga.

Seja o primeiro a curtir!

Comentários

avatar

As pessoas também curtiram

Histórias relacionadas
1.Após tentativa de assalto frustrada, ladrão pula de ônibus e sofre traumatismo craniano
2.Aluna é queimada viva por denunciar assédio em Bangladesh
3.A guerra entre a Mídia e Bolsonaro: 'Precisamos da mídia para que 'democracia não se apague'
4.Vamos falar do aborto?
5.Qual o filme de maior bilheteria da história do cinema Muitos bons filmes 
6.Angelina Jolie está no Universo Marvel  
7.Quais são as comidas mais estranhas do mundo?  
8.Noruega recusa bilhões para preservar o ambiente, Bolsonaro quer explorar Amazônia
9.Prefeito de Nova York diz que Bolsonaro é um “ser humano perigoso”
10.Dicas para a sua primeira viagem para a Europa
500x500
500x500