FUTEBOL

Zài jiàn! Chineses fazem bela festa no adeus de Felipão. De volta ao Brasil?

Author

Três anos depois, sete títulos e o resgate da credibilidade, Felipão se despediu do Guangzhou Evergrande sob bela festa dos chineses. O treinador brasileiro chegou ao clube em 2015 e logo virou herói. Agora vai respirar novos ares. No Brasil? Dificilmente.

Após o vexame da Copa do Mundo de 2014, com o inesquecível 7 a 1 para a Alemanha, Felipão ainda ganhou chance no Grêmio. Caiu sem cerimônia após resultados ruins. Deve, portanto, seguir fora do país.

Aos 69 anos, Felipão gostaria de se redimir dirigindo uma seleção na Copa do Mundo. Há possibilidade, também, de permanecer na China, pois agitou os demais clubes ao anunciar a saída do Evergrande. A Europa seria a terceira opção.

Enquanto não fala do futuro, ele guarda na lembrança a linda festa de despedida do último sábado. Os torcedores cantaram seu nome em coro, teve discurso emocionado, taças gigantes e banho de chope. No fim, o É ver grande ainda recebeu a taça de campeão.

Os chineses mandaram um zài jiàn (adeus) para Felipão e fizeram questão de agradecer pelo ótimo serviço e as conquistas. "Xiè xiè (obrigado) Felipão".

Zài jiàn! Chineses fazem bela festa no adeus de Felipão. De volta ao Brasil?
Zài jiàn! Chineses fazem bela festa no adeus de Felipão. De volta ao Brasil?
Zài jiàn! Chineses fazem bela festa no adeus de Felipão. De volta ao Brasil?
Zài jiàn! Chineses fazem bela festa no adeus de Felipão. De volta ao Brasil?
Zài jiàn! Chineses fazem bela festa no adeus de Felipão. De volta ao Brasil?
Zài jiàn! Chineses fazem bela festa no adeus de Felipão. De volta ao Brasil?
Zài jiàn! Chineses fazem bela festa no adeus de Felipão. De volta ao Brasil?
Zài jiàn! Chineses fazem bela festa no adeus de Felipão. De volta ao Brasil?

Fotos: Twitter e Sina.com