A Embaixada da Alemanha explicou o nazismo e foi contestada por brasileiros

Collection Trampo

Um vídeo publicado recentemente pela Embaixada da Alemanha no Brasil vem causando uma curiosa polêmica, e há um monte de brasileiros querendo corrigir os alemães sobra a história… da Alemanha.

É assim: no vídeo, a embaixada busca ressaltar a importância de não esquecer os crimes do nazismo, responsável pela morte de cerca de 6 milhões de judeus e mais 5 milhões de pessoas. No tweet em que o vídeo foi publicado, a embaixada escreve que “os alemães não escondem o seu passado. Saiba como se ensina história na Alemanha.”

O vídeo fala que as escolas alemãs ensinam a confrontar o Holocausto e que a intenção é “conhecer e preservar a história para não repeti-la.” A legenda menciona casos recentes em que “o extremismo de direita volta a acontecer no país” e cita o ministro de Relações Exteriores da Alemanha, Heiko Mas, que diz que “Devemos nos opor ao extremismo de direita, não devemos ignorar, temos que mostrar nossa cara contra neonazistas e antissemitas.”

Só que, com a circulação do vídeo, alguns brasileiros começaram a contestá-lo, alegando que o movimento de Hitler seria, na verdade, de esquerda, já que seu partido se chamava “Partido dos Trabalhadores Socialistas.” Na página da Embaixada da Alemanha no Facebook, usuários brasileiros também negaram a existência do Holocausto.

Be the first to like it!

Comments

People also liked

Related stories
1.Sister Asks UK To Bring Shamima Begum’s Newborn
2.Pope Begins Historic Summit On Abuse Scandal
3.Jussie Smollett Arrested On Charge Of False Report
4.Taiwan President Sounds Alarm About Chinese Aggression
5.UK Lawmakers Slam Facebook For Privacy Violations 
6.Top Fashion Designer Karl Lagerfeld Dead At 85
7.Saudi Arabia Signs Deals Worth $20 Billion With Pakistan
8.Researchers Link Diet To Mental Health
9.5 Killed In Illinois Gun Attack At Factory
10.Fashion Models Wrestle With Debt
500x500
500x500