CURIOSIDADES

Esquiar só de biquíni e sunga? Na Sibéria, tem dia que é obrigação!

Author

Que a Sibéria é gelada, todo mundo sabe. Só que o lugar é tão grande que acontece um mundão de coisa que o resto do planeta mal fica sabendo. É bem o caso de uma região chamada Sheregesh, o melhor lugar para esquiar na Sibéria.

Esquiar só de biquíni e sunga? Na Sibéria, tem dia que é obrigação!

As primeiras pessoas se aventuraram a esquiar em Sheregesh em 1981. Nem faz tanto tempo assim. E, naquela época, só dava profissional por lá. Maaaas o lugar foi crescendo, ficando popular, começaram a construir hotéis e mais hotéis até que a coisa bombou de vez.

Esquiar só de biquíni e sunga? Na Sibéria, tem dia que é obrigação!

Hoje, Gesh (á assim que os locais chamam) ganhou outra fama curiosa: é lá que acontece o famoso Grelka Fest, um festival de música e esqui que acontece sempre no primeiro fim de semana de abril. Mas não é só isso: é no Grelka Fest que rola o evento mais famoso de Gesh: a descida de esqui e snowboard vestindo só sunga e biquíni.

Esquiar só de biquíni e sunga? Na Sibéria, tem dia que é obrigação!

 Pra você ter uma ideia, tem quatro meses do ano em Sheregesh que a temperatura fica sempre abaixo de zero. Em abril, no Grelka Fest, até que dá uma esquentada. A temperatura média do mês fica em 2 graus Celsius.

Esquiar só de biquíni e sunga? Na Sibéria, tem dia que é obrigação!

E então, ficou animado pra ver esse povo bonito (e se tem lugar com gente bonita é na Rússia!) todo festejando e esquiando quase sem roupa? Ou tá pensando na sensação de cair de bunda na neve a 2 graus Celsius? Vai encarar?