BEM-ESTAR

Esses especialistas dizem que você NÃO deve dar seu lugar para idosos no metrô

Author

É um consenso: ceder seu lugar para idosos no metrô (ou em qualquer transporte público) é questão de gentileza. Uma cortesia com quem é mais velho e “já não tem mais idade pra ficar de pé indo de um lugar pra outro”. Pelo menos é assim que quase todo mundo pensa. Maaaaas isso pode não ser o melhor para esses idosos, viu? (Ilustração via Pixabay)

Esses especialistas dizem que você NÃO deve dar seu lugar para idosos no metrô

Segundo Sir Muir Gray, professor da Universidade de Oxford e conselheiro do serviço de saúde pública da Grã-Bretanha, dar o lugar para alguém se sentar pode até prejudicar a saúde do idoso. O estudioso afirma que gente da terceira idade deve ser estimulada a exigir mais de seu físico e, assim, se manter em forma. “Ficar de pé é um ótimo exercício para eles.”

Scarlett McNally, cirurgiã ortopédica do Eastbourne District General Hospital, disse ao jornal britânico “The Independent” que o exercício pode inverter o declínio e manter a pessoa em um nível saudável.

Além disso, um estudo publicado no British Medical Journal argumenta que os efeitos do envelhecimento são confundidos pela população geral com a perda de forma física quando, na verdade, é a perda de preparo físico que acelera o risco de a pessoa idosa precisar de mais cuidados. Bom preparo também mantém a capacidade cognitiva e reduz o risco de demência.

A pesquisa aponta que “a distância entre o melhor nível físico possível de alguém e a sua forma física atual pode ser reduzida em qualquer idade, não importa quais ou quantos problemas de saúde a longo prazo a pessoa tenha.” O texto conclui que a melhoria no nível físico “pode não devolver à pessoa seu nível de 10 anos antes, mas pode significar a diferença crucial entre viver bem em casa ou precisar de assistência em um lar para idosos.”