MULHERES

Like a Virgin: hímens fake são sucesso de venda na Dinamarca

Author

É mais um caso de como a globalização afeta o mercado de um país. Com o crescimento da população muçulmana na Dinamarca, aumento surpreendentemente a demanda por hímens fake.

Like a Virgin: hímens fake são sucesso de venda na Dinamarca

Só em 2016, mais de 500 itens do gênero foram vendidos na Dinamarca. Nos últimos cinco anos, o número chega a 2.670. As estatísticas foram compiladas pelos fabricantes Hymenshop e Virginia Care, segundo a emissora dinamarquesa Radio24syv.

A relação entre a procura por hímens falsos e o aumento da população muçulmana se explica porque o islamismo exige que moças se casem virgens. Hímens fake têm como objetivo fazer a mulher “sangrar” como uma virgem na noite de núpcias. 

Um hímen falso nada mais é do que uma membrana contendo sangue de boi ou tinta de cor vermelha. Ele deve ser inserido na vagina meia hora antes do ato sexual. Durante o sexo, a membrana acaba sendo perfurada, soltando o sangue.

A fabricante alemã Virginia Care informa que a demanda aumentou no mundo inteiro e diz que, além do motivo religioso, existe o preconceito. Muitas mulheres acreditam que estariam desonrando a família têm medo de perder o noivo. Por isso, apelam para o hímen fake, que é mais barato do que uma cirurgia para restauram o hímen original.

Um hímen fake custa entre US$ 60 e 90.