CELEBRIDADES

Bastidores de novela da Globo acusada de plágio são dignos de uma quinta-série

Author

Está rolando uma treta maravilhosa da Globo entre um autor de novelas e um ex-aluno que o acusa de plágio, com direito a demonstração pública de ofensas gratuitas e muita indiretinha.

Bastidores de novela da Globo acusada de plágio são dignos de uma quinta-série

(Divulgação/Aguinaldo Silva)

Lá pelo início de 2016, viralizou na internet uma troca de ofensas entre Ferreira Gullar e Augusto de Campos em que esses dois senhores discutiam por causa de uma conversa que rolou... em 1955! Os dois passaram a remoer as dores e se ofender publicamente sempre que possível para o deleite de quem curtia acompanhar esse MMA literário, que vai ficar na memória saudosa do brasileiro. Gullar morreu no fim de 2016, nos deixando órfãos de uma treta de alto nível.

Sem novos episódios dessa discussão, agora podemos nos esbaldar numa nova crise no mundo das Letras, só que dessa vez entre um autor de novelas e seu pupilo.

Bastidores de novela da Globo acusada de plágio são dignos de uma quinta-série

(Reprodução/Globo)

Vou apresentar cada um dos indivíduos envolvidos nesse rolê. Este da foto acima é Aguinaldo Silva, um dos mais importantes autores de novelas do Brasil. Eu seu currículo estão "Senhora do Destino", "A Indomada", "Pedra Sobre Pedra" e algumas outras novelas que ele deve preferir esquecer porque foram bem ruinzinhas (sim, estou falando de "Suave Veneno").

Ao contrário de alguns colegas da área, Aguinaldo Silva é um dos poucos autores de novelas que se preocupam com o futuro e os novos escritores de folhetim, por isso ele passou a oferecer ocasionalmente um curso (chamado Masterclass) para passar seus conhecimentos a autores iniciantes. No programa desse curso, Aguinaldo desenvolve uma novela com seus alunos, ensina todo o processo de escrita e até preparam em conjunto o roteiro de um capítulo da trama. "Fina Estampa", por exemplo, surgiu numa dessas masterclasses. Aí para usar a novela na Globo, Aguinaldo pegou a assinatura de todos os alunos envolvidos na criação e assim ter os direitos autorais sobre a trama da Pereirão.

Olhando assim parece o plano perfeito: Aguinaldo Silva forma novos autores e todos juntos criam uma novela que será exibida pela Globo, e até com alguns dos alunos trabalhando como autores colaboradores. Bem, aparentemente a coisa não era tão perfeita, porque a última Masterclass de Aguinaldo não acabou muito bem:

Os alunos da Masterclass de 2015 criaram uma trama de realismo fantástico que ganhou corpo pela mão de Aguinaldo, surgindo aí a premissa de "O Sétimo Guardião". Essa novela, que seria a grande retomada do autor no gênero que o consagrou nos anos 80 e 90, teria personagens surreais e até a ressurreição da vilã Nazaré Tedesco como um homem trans (!). Uma coisa bem louca mesmo.

Terminado o curso, Aguinaldo Silva reuniu todos os seus alunos, pagou com correção monetária o valor que eles aplicaram nos custos dos estudos e colheu a assinatura para acertar a questão de direitos autorais. Embora todos tenham assinado o contrato de cessão de direitos autorais, um dos alunos gostaria de ser creditado como co-autor da trama. Esse aluno é Silvio Cerceau.

Bastidores de novela da Globo acusada de plágio são dignos de uma quinta-série

(Reprodução/Twitter)

O escritor Silvio Cerceau afirmou ao site Notícias da TV que embora tenha cedido os direitos autorais, manteve os direitos patrimoniais e gostaria de ser creditado como co-autor de "O Sétimo Guardião". Isso sem contar que ele questiona que passou os direitos para a Casa de Cultura Aguinaldo Silva, instituição que não seria de Aguinaldo, e sim de seu assistente pessoal. Assim, Silvio entrou numa batalha judicial com Aguinaldo.

Para evitar um perrengue ainda maior, recentemente a Globo anunciou o cancelamento da exibição de "O Sétimo Guardião" e Aguinaldo Silva só poderia manter a vaga na disputada fila das novelas das nove se inventasse uma nova novela em poucos meses. E é aí, meus amigos, que começa a treta.

Aguinaldo Silva é heavy user do Twitter, usando a rede social para divulgar doses homeopáticas de notícias sobre sua novela futura, emitir comentários políticos e mandar aquele coice nos desafetos. Por ter tido uma novela cancelada dessa forma, claro que Aguinaldo não se segurou e mandou aquelas indiretinhas para Silvio Cerceau usando seus 140 caracteres:

Isso foi quando a notícia era apenas um burburinho. Quando a acusação de plágio começou a repercutir em sites de televisão, Aguinaldo Silva começou a tentar negar as aparências e disfarçar as evidências:

Até mesmo compartilhou notícias sobre outros alunos falando que estava tudo bem e que uma disputa judicial era intriga de sitezinhos que inventam notícias em busca de cliques:

Assim veículos importantes começaram a noticiar a treta e rolou a confirmação no site da Patrícia Kogut de que Aguinaldo Silva não escreveria mais "O Sétimo Guardião" e teria de criar uma nova novela do nada, começou a troca de farpas entre Aguinaldo Silva e Silvio Cerceau:

Silvio não se fez de rogado e usou suas redes sociais para mandar indiretas:

Cerceau também se mostrou preocupado com Aguinaldo Silva usar elementos de "O Sétimo Guardião" em sua próxima novela cujo nome provisório é "História de Lobos":

Quando um site publicou uma notícia sobre Silvio Cerceau ter interesse de escrever para a Globo, Aguinaldo Silva foi rápido no gatinho e mandou aquela provocação:

Mas não pense você leitor que a discussão ficou apenas em posts de Twitter! Aguinaldo Silva tem destilado seu veneno inclusive em seu site oficial, em um post no qual cria uma conversa fictícia com uma personagem que não existe e chama o que lhe acusa de "rapaz com sérios problemas de obesidade":

Bastidores de novela da Globo acusada de plágio são dignos de uma quinta-série

Enquanto isso, Silvio se espanta com ele ter incomodado tanto um autor de novelas:

A briga está longe de acabar. Aguinaldo Silva tem até dezembro para ter sua nova novela aprovada pela Globo e assim manter seu lugar na fila para estrear em 2018. Já Silvio vai ficar de olho para que nenhum elemento de "O Sétimo Guardião" seja reaproveitado na nova novela. E a julgar por algumas notícias que apareceram na imprensa, Aguinaldo está sim colocando coisas previstas para sua novela cancelada na nova trama.