TV

História principal de "Segundo Sol" é meio parecida com trama de "O Outro Lado do Paraíso"

Author

Histórias se repetem. Novela é um gênero que tem vários templates de história que acabam sendo reutilizados várias vezes, e a função da Globo é evitar que novelas exibidas próximas tenham esse tipo de problema. Pelo visto não é o que vai acontecer na próxima estreia da faixa das nove.

História principal de "Segundo Sol" é meio parecida com trama de "O Outro Lado do Paraíso"

Na primeira semana de "Segundo Sol" vamos conhecer Luzia (interpretada pela branquíssima Giovanna Antonelli). A personagem mora na ilha de Boiporã, lá em Salvador, e vai se ver metida numa história muito perigosa ao se apaixonar por Miguel (vivido pelo branco Emílio Dantas), sem saber que ele na verdade é o grande cantor de axé Beto Falcão que está fingindo a própria morte para ver se tira a família do prejuízo.

Acontece que, ainda nos primeiros capítulos, vamos descobrir que Luzia tem um ex-marido meio ciumento. E aí eles vão se encontrar um dia, e acidentalmente Luzia vai empurrar o homem, que morrerá. Karola (interpretada pela também branquíssima Deborah Secco), uma das vilãs da novela, vai chegar para Luzia e falar "então, você meio que matou seu marido, eu acho que você devia fugir", e assim veremos Luzia tentando escapar da acusação de morte do ex-marido.

História principal de "Segundo Sol" é meio parecida com trama de "O Outro Lado do Paraíso"

Lendo assim parece até uma ideia interessante para novelas, mas acompanhamos algo idêntico em "O Outro Lado do Paraíso". Elizabeth (Gloria Pires) começou a sair com seu amante Renan (Marcello Novaes) e, num jantar, acabou empurrando acidentalmente o homem, que caiu de cabeça e supostamente empacotou. O sogro de Beth apareceu e falou ""então, você meio que matou seu amante, eu acho que você devia fugir" e assim a mulher forjou a própria morte. Luzia de "Segundo Sol" vai tentar inclusive adotar uma nova identidade em sua fuga! É basicamente a mesma história. E no mesmo núcleo principal. E numa novela colada na outra.

O público costuma deixar esse tipo de repetição passar quando as novelas têm uma certa distância temporal uma da outra (por exemplo, a história de vingança de Clara em "O Outro Lado do Paraíso" parte de uma ideia parecida com a vingança de Nina em "Avenida Brasil", mas as duas novelas estão separadas por seis anos). Mas não é o caso, afinal a trama de Elizabeth e Luzia está separada por apenas um domingo.

História principal de "Segundo Sol" é meio parecida com trama de "O Outro Lado do Paraíso"

Esse tipo de coincidência pode afetar até mesmo amizade entre autores. Em 2011, Walcyr Carrasco e Aguinaldo Silva tiveram uma briga feia porque os dois usaram uma trama idêntica em suas novelas. Detalhe: as duas eram exibidas na mesma época.

A história de Griselda e seu filho que tinha vergonha dela em "Fina Estampa" era muito parecida com a trama vista em "Morde e Assopra", dessa vez com a personagem Dulce e seu filho. Mas esse caso foi um pouco além dos clichês, afinal Aguinaldo Silva alegou que contou para Carrasco a história de sua novela antes da estreia, e o colega havia colocado uma trama parecida em "Morde e Assopra".

Vamos ver o que vai acontecer com as semelhanças entre "O Outro Lado do Paraíso" e "Segundo Sol".