TV

O Outro Lado do Paraíso tentou conscientizar sobre alcoolismo, mas virou cena de comédia

Author

Se você assiste à novela "O Outro Lado do Paraíso" deve ter percebido já que o autor da trama, Walcyr Carrasco, adora colocar alguma campanha social para usar como apoio para o desenvolvimento de personagens. Entre os merchandisings sociais já usados estão agressão à mulheres, nanismo, pedofilia, corrupção no judiciário, homossexualidade etc... Depois de tratar (de forma ruim) todos esses anteriores, chegou a hora de falar sobre ALCOOLISMO.

O Outro Lado do Paraíso tentou conscientizar sobre alcoolismo, mas virou cena de comédia
Reprodução/Globo

Elizabeth (Gloria Pires) é uma personagem apresentada ao público como alcoólatra desde o comecinho da novela. Era só oferecer um copo com gim que a ex-falecida já abria a boca sem qualquer filtro. Mesmo após reaparecer na novela e reencontrar sua filha, a mulher continuava sendo movida a álcool, tal qual um automóvel com tanque compatível com combustíveis renováveis.

Depois de manter essa questão em banho maria, o autor precisou reativar o drama da alcoólatra e do nada fez Adriana (Julia Dalavia), a filha de Beth, ter um problema muito grave no rim. E quem poderia ajudar no transplante? Claro que a Elizabeth, só que ela não pode porque seu rim está comprometido. Que conveniente.

Para tentar salvar a sua filha, Elizabeth entrou num jejum de álcool e, como qualquer dependente químico que abandona bruscamente o vício, ficou extremamente agressiva. Inclusive com os personagens que gostam dela, como Patrick (Thiago Fragoso) e Clara (Bianca Bin). Infelizmente, todo o drama que a cena poderia ter passado ao público escorreu ralo abaixo, porque foi simplesmente uma das mais ENGRAÇADAS cenas da novela até hoje.

O Outro Lado do Paraíso tentou conscientizar sobre alcoolismo, mas virou cena de comédia
Reprodução/Globo

Gloria Pires, visivelmente desconfortável com o texto cafona, tentou até tirar leite de pedra, mas repetia as frases desconexas de Elizabeth sem qualquer credibilidade. Seus "algozes" também não estavam em bons lençóis: Patrick e Clara recorreram a vários chavões usados para tentar acalmar um dependente químico.

Num dos melhores momentos da noite, Patrick pediu calma para Beth, dizendo que logo o álcool iria sair de seu corpo e ela se sentiria melhor. Com uma sinceridade ímpar e falando o que todos nós espectadores gostaríamos de comentar, Elizabeth soltou um "o que você está falando? Você nem é médico!". Não sei dizer se o advogado criminalista ficou chateado com verdades sendo ditas porque eu estava morrendo de dar risada naquela hora.

Essa é a forma de "O Outro Lado do Paraíso" tratar assuntos sérios. Com texto ruim, situações inverossímeis, atuações acima do tom e, como quase sempre, dando mais desinformação que informação. E como sempre tem como ficar pior, o crítico Nilson Xavier do UOL comentou algo também bem grave: logo depois dessa cena, Mariano (Juliano Cazarré) tentou arrancar informações de Caetana (Laura Cardoso) justamente oferecendo bebida pra ela!

O Outro Lado do Paraíso tentou conscientizar sobre alcoolismo, mas virou cena de comédia
Reprodução/Globo