GENTE

Conheça a história do irmão da Madonna, que passou sete anos vivendo nas ruas

Author

O glamour da vida de Madonna em contraste com o irmão morador de rua

Conheça a história do irmão da Madonna, que passou sete anos vivendo nas ruas

Considerada uma das maiores artistas pop de todos os tempos, a cantora Madonna possui uma fortuna avaliada em cerca de 650 milhões de dólares. Durante sete anos, no entanto, isso contrastou com a situação de seu irmão mais velho, de 61 anos. No período entre 2011 e 2017, Anthony Ciccone viveu nas ruas de Traverse City, nos Estados Unidos

Anthony e Madonna são filhos do mesmo pai e da mesma mãe, mas seguiram caminhos bem diferentes na vida. Enquanto a artista entrou para o mundo da música, ele passou a trabalhar como carpinteiro. 

Em pouco tempo, no entanto, perdeu o emprego e, em seguida, sofreu com alcoolismo. O pai, Tony Ciccone, ofereceu um emprego a ele, mas os problemas com álcool persistiram, o que fez com que Anthony fosse demitido. No mesmo período, sua mulher o deixou e levou consigo o filho adolescente.

A partir daí, em 2009, Anthony se perdeu de vez. E foi parar na rua.

“Minha família virou as costas para mim, basicamente, quando eu estava vivendo tempos difíceis”, disse Ciccone, na época, em entrevista a um jornal da cidade. “Você acha que eu não respondi esse tipo de pergunta um bilhão de vezes – por que minha irmã é uma multimilionária e eu estou sem casa na rua?".

A cantora sempre alegou que ofereceu incontáveis ajudas ao seu irmão, que negava sob o argumento de ele ser, para ela, "um constrangimento para a bolha na qual ela vivia". 

Conheça a história do irmão da Madonna, que passou sete anos vivendo nas ruas

Anthony passou a maior parte desses sete anos debaixo de uma ponte no centro da cidade, que conta com temperaturas negativas durante boa parte do inverno. Em 2013, chegou a ser preso por uma briga com policiais, mas foi solto logo em seguida. 

No ano passado, no entanto, uma reviravolta. Anthony se internou em uma revolucionária clínica de reabilitação, que permite o uso de álcool mesmo dentro de suas dependências, e, com nítida melhora, foi liberado. 

Depois de sete anos, enfim retornou a casa de sua família, onde passou o Natal. Não se sabe se Madonna estava presente.