Jornais americanos se unem em editoriais contra Trump, que revida

Collection Mundo

Em qualquer democracia, é natural que políticos ou qualquer outra figura pública conteste artigos e pontos de vista da mídia. É inclusive saudável que isso aconteça, pelo bem do debate. Mas nos Estados Unidos, os comentários do presidente Donald Trump estão passando essa linha e se tornando, inclusive, perigosos.

Um exemplo é o que Trump faz quando simplesmente não gosta de uma notícia negativa sobre seu governo: chama de “fake news

No recado mais grave, pintou a mídia, novamente, como opositor dos Estados Unidos. Chamou os jornais de “partido opositor”, disse que isso era mal para o país, mas que os EUA estavam ganhando, como se, na cabeça dele, uma guerra estivesse sendo travada.

Claro que as palavras de Trump estamparam os jornais nesta manhã.

Cientes de que notícia boa não é a que agrada, mas a que informa, resta torcer para que os jornais e jornalistas americanos continuem exercendo sua função, mesmo diante das repressões de seu próprio presidente.

Be the first to like it!

Comments

People also liked

Related stories
1.Sister Asks UK To Bring Shamima Begum’s Newborn
2.Branson Plans To Defy Venezuela President With Concert
3.Judge Slams Jussie Smollett’s Allegedly False Report
4.Jussie Smollett Arrested On Charge Of False Report
5.IS Bride Shamima Begum Says It Was Wrong For UK To Bar Her
6.Taiwan President Sounds Alarm About Chinese Aggression
7.If You Worry Too Much, Say ‘Pyt’ As The Danes Do
8.Footballer Sala’s Body Returned To Hometown For Funeral
9.Fashion Models Wrestle With Debt
10.Airbus Scrapping Iconic Superjumbo A380
500x500
500x500