BELEZA

6 dicas para cuidar da saúde do cabelo (sem gastar mais dinheiro com isso)

Author

Investir um pouco de carinho diário é mais eficiente que colocar muita grana para ter um cabelo sempre bonito

6 dicas para cuidar da saúde do cabelo (sem gastar mais dinheiro com isso)

(Imagem: Unsplash)

Sabia que dá para ter um cabelo mais saudável sem gastar todo seu salário para isso? Cuidar dos fios é mais fácil quando prestamos atenção nos sinais deles próprios e investimos um pouco de carinho diário na cabeleira.

As regras básicas valem para qualquer tipo de estrutura de cabelo. Pode ser liso, cacheado ondulado ou crespo: no longo prazo, é o que realmente ajuda os fios a estarem sempre bonitos, reduzindo a dependência de shampoos e cremes ditos mágicos (que nem sempre funcionam).

Que tal começar já?

A alimentação conta muitos pontos

6 dicas para cuidar da saúde do cabelo (sem gastar mais dinheiro com isso)

(Imagem: foodiesfeed)

Dizer que a alimentação saudável muda tudo em nosso corpo é quase um clichê. Mas só é assim porque é a mais pura verdade. O cabelo não é exceção à regra.

Alimentos ricos em vitaminas e, principalmente, proteínas, ajudam o corpo a repor nos fios tudo o que eles perdem com os danos do dia a dia. Além da alimentação, tomar bastante água para ajudar na hidratação de dentro para fora também é fundamental.

Mantenha o corte em dia

Mesmo comendo bem e cuidando do cabelo direitinho, o corte é fundamental. Lembre-se que as pontas já estão ali há algum tempo e envelhecem. Chega uma hora que é importante aposentar esta região, que tende a ficar mais seca e danificada.

Dizem que é preciso cortar o cabelo a cada três meses. Mas na verdade isso depende da constituição e condições do fio de cada pessoa.

Além disso, o estilo do corte escolhido também pode demandar mais ou menos manutenção. Assim, mais importante do que definir um prazo específico, o ideal é prestar atenção e não negligenciar os sinais dos fios.

Cuidado com o sol

Assim como a pele, o cabelo sofre muito com o sol. Para aproveitar um dia na praia ou piscina, é fundamental escolher protetores térmicos, assim como você faz com o corpo e rosto.

Também vale a pena investir em hidratação antes e depois dos dias de sol e calor. Para esta etapa, não precisa ir atrás de produtos caros. Receitas caseiras como uma simples máscara de abacate, por exemplo, já ajudam bastante. Mas lembre-se de não se expor ao sol com o creme aplicado, já que os óleos naturais podem não ser os melhores para proteger do calor.

Considere adotar o low ou no poo

Para algumas pessoas, os produtos tradicionais mais atrapalham do que ajudam. A química funciona como uma espécie de maquiagem para os cabelos, que podem deixar a aparência bonita no momento, mas não trata os fios a fundo. As técnicas para reduzir produtos químicos e nocivos na hora de lavar a cabeleira ajudam a obter bons resultados no longo prazo e podem ser o caminho para você.

Seque com carinho

4E28D014-C74B-4C11-9761-177E0F54CAA4
4E2DB745-19DC-4D54-BEBD-E390DDDF5678

Muita gente não dispensa o secador depois de lavar o cabelo. É importante tomar cuidado com a temperatura e preferir uma mais amena, ainda que o processo assim seja mais lento.

Para quem deixa a natureza cuidar dessa etapa, também é preciso ter alguns cuidados, como evitar prender o cabelo molhado, o que pode enfraquecer e quebrar os fios.

Atenção na temperatura da água

Parece dica da vovó, mas lavar o cabelo com água fria realmente ajuda a não danificar os fios. A lógica é a mesma do secador com temperatura amena e da exposição solar.

Mas calma, ninguém precisa tomar banho gelado para ter cabelo bonito e com brilho. A água morna já é melhor do que a quente e, no longo prazo, vai fazer diferença.