DINHEIRO

Bitcoin, Uber e Airbnb: como declarar esses rendimentos no IR

Author

Aprenda a maneira correta de acertar as contas com o Leão e evite a malha fina

Bitcoin, Uber e Airbnb: como declarar esses rendimentos no IR

O mundo está moderno e tamanha modernidade mexe também com as finanças pessoais. Seja por querer uma renda extra, uma nova profissão ou um investimento diferente, muita gente vai precisar prestar uma atenção extra na hora de declarar o imposto de renda neste ano.

Se é o seu caso, veja como declarar quatro tipos de rendimentos não muito convencionais:

Bitcoin

Investiu em Bitcoin ou outra criptomoeda em 2017? Sinto informar, mas a Receita Federal precisa saber disso. A aplicação entra em “bens e direitos”, com o código 99 (outros bens e direitos), caso você não tenha recolhido o lucro com as moedas digitais.

Se você vendeu criptomoedas durante 2017, deveria ter pago o imposto sobre o lucro até o mês seguinte da operação, usando um aplicativo da própria receita chamado “Ganho de Capital”. Não fez isso? Use o aplicativo em conjunto com o Sicalc, também da receita, que serve para atualizar o valor de impostos em atraso. Quite a dívida antes de enviar a declaração.

Ganhos com app de mobilidade (como Uber, Cabify e Lady Driver)

Se você trabalha como autônomo para estas empresas, precisa recolher imposto mensalmente, usando o carnê leão. Deve colocar o valor total na linha de rendimentos recebidos de pessoas físicas e usar o boleto do DARF gerado pelo próprio programa para pagar o imposto até o final do mês seguinte.

Airbnb

Mais uma vez, a maneira correta é pagar o valor mensalmente usando o carnê leão. Na hora de acertar as contas, tudo o que foi pago com o programa pode ser importado automaticamente para a declaração.