FUTEBOL

Beckham vai ter um clube nos EUA e ganhou apoio até de Messi

Author
Beckham vai ter um clube nos EUA e ganhou apoio até de Messi

(Instagram / David Beckham)

Ex-jogadores se tornarem grandes investidores em clubes de futebol não chega a ser uma grande novidade assim. Mas dependendo de quem está por trás da ideia, os holofotes são maiores. Caso do eterno astro inglês David Beckham. Mesmo aposentado há ao menos quatro anos, ele ainda fatura milhões com marketing.

Então, Beckham decidiu investir alguns trocados em uma franquia - como se diz por lá - de um clube na Major League Soccer, a MLS, principal divisão do futebol nos Estados Unidos. O local escolhido foi Miami. O clube ainda não tem nome, mas já buscou apoio de peso. Só no seu anúncio, nomes como Jennifer Lopez, Will Smith, Tom Brady, Serena Williams e Usain Bolt deram seu apoio.

Isso, claro, estrelas norte-americanas. Até que Beckham convocou a tropa de choque. Nada mais nada menos do que a dupla Messi e Neymar para dar apoio público à empreitada. O argentino mandou os parabéns pelo novo projeto e ainda arrematou:

"Quem sabe daqui a alguns anos você não me liga?"

Neymar também mandou uma saudação por vídeo, desejando sorte ao ex-jogador. O time só entrará em ação em 2020 e será o 25º a integrar a MLS. A demora se explica pela necessidade de construção de um estádio. Essa não será a primeira aventura de Beckham nos Estados Unidos. No fim da carreira, ele atuou pelo LA Galaxy entre 2007 e 2012.