FUTEBOL

Goleiro Roma e da seleção, Alisson é chamado de "Messi dos goleiros"

Author
Goleiro Roma e da seleção, Alisson é chamado de

(Twitter / Roma)

Por muito tempo a seleção brasileira ficou com a vaga no gol aberta depois da Copa do Mundo de 2014. Julio Cesar deixou o posto, que foi ocupado primeiramente por Jefferson, do Botafogo. Mas logo depois Alisson, então no Internacional, foi efetivado. Ganhou ainda mais corpo quando Tite assumiu o comando da seleção.

Na Roma, Alisson esperou uma temporada para assumir a titularidade, o que aconteceu desde agosto de 2017. E ele vem correspondendo de forma bem eficiente. E salta aos olhos do futebol europeu, sendo cogitado no poderoso Real Madrid. Perguntado pelo jornal italiano "Il Romanista" se Alisson valeria 50 milhões de euros, o ex-preparador de goleiros da Roma Roberto Negrisolo ficou muito empolgado.

"Ele vale muito mais. Não sei se tantas pessoas perceberam quem o Alisson é. Esse garoto é um fenômeno. É o primeiro entre os primeiros. É o Messi dos goleiros, porque tem a cabeça do Messi. Ele pode marcar uma era", disse Negrisolo.

A Roma ficou empolgada com a declaração do seu ex-preparador de goleiros e a destacou em seu Twitter.

Além de Real Madrid, Liverpool e PSG também estariam atrás de Alisson para a próxima temporada. Ele tem contrato com a Roma até junho de 2021.