CELEBRIDADES

Natalie Portman pede desculpas por assinar petição a favor de Polanski

Author
Imagem: Divulgação
Imagem: Divulgação

Natalie Portman tem sido bastante vocal em sua militância contra assediadores e a favor de causas feministas, e na última semana afirmou que se arrepende de ter assinado uma petição a favor de Roman Polanksi em 2009. A lista, que foi assinada por mais de 100 atores de Holywood, pedia que o diretor, que havia sido preso no aeroporto Zurich tentando buscar asilo, fosse imediatamente liberado. Polanksi foi condenado por estupro de incapaz, e confessou ter feito sexo com uma menina de 14 anos em 1977.

"Eu me arrependo muito disso. E me responsabilizo por não ter pensado o suficiente na época", disse a atriz em uma entrevista ao Buzzfeed. " Uma pessoa que eu respeitava me deu a petição e disse 'eu assinei isso, você pode assinar também?', e eu disse 'claro'. Foi um erro. O que eu aprendi com isso foi a ter empatia com pessoas que cometem erros. Nós vivemos em um mundo diferente, e isso não é desculpa pra nada. Mas você tem a chance de ter seus olhos abertos e mudar completamente a maneira como quer viver. Meus olhos não estavam abertos", completou ela.

A petição, que demandava a libertação imediata de Polanski, tem nomes como Martin Scorsese, Woody Allen, Wes Anderson, Pedro Almodovar, Tilda Swinton, Darren Aronofsky, Gael Garcia Bernal e Guillermo del Toro. Asia Argento e Emma Thompson, que também assinaram, declararam publicamente que também se arrependem.