ESPORTES

Ele foi melhor do mundo há duas décadas e agora é o presidente da Libéria

Author
Ele foi melhor do mundo há duas décadas e agora é o presidente da Libéria

(Twitter / George Weah)

A nova geração de torcedores provavelmente não sabe muito bem de quem se trata, mas George Weah foi um jogador monstruoso em sua época. Com passadas largas e velocidade incrível, ele alegrou muito os torcedores de Monaco, PSG e Milan na década de 90. Era golaço empilhado atrás de jogadas plásticas.

O então camisa 9 brilhou tanto com a camisa do Milan que acabou eleito o melhor jogador do mundo em 1995, pela Fifa, sucedendo Romário no prêmio. Levou também o importante Bola de Ouro da Revista France Football. Virou, então, símbolo da Libéria, seu país natal, no mundo. Como os compatriotas não jogavam um futebol à sua altura, Weah nunca disputou uma Copa do Mundo.

Após se aposentar pelo Al-Jazira, dos Emirados Árabes, em 2003, George Weah seguiu carreira política no país natal. E repetiu a trajetória no futebol, fazendo sucesso e História. Nesta semana, o ex-jogador, hoje com 51 anos, foi eleito presidente da Libéria. É a primeira vez que um ex-atleta de futebol alcança o cargo máximo de uma nação.

Mas brasileiros, claro, não perderam a chance de fazer uma gracinha com a situação.

Sorte ao eterno craque liberiano na nova empreitada.