ESPORTES

Volta de Seedorf ao Brasil mela e termina com dirigente chamado de "gagá"

Author
Volta de Seedorf ao Brasil mela e termina com dirigente chamado de "gagá"

(Agif)

Muito se alardeou sobre a possível volta de Seedorf ao futebol brasileiro. Depois de defender o Botafogo entre 2013 e 2014 como jogador, o holandês estava próximo do retorno ao país para comandar o Atlético-PR como técnico. Mas aí, futebol né....

Negociação se arrastou, ficou bem estranha, até que o Atlético-PR decidiu confirmar Fernando Diniz como novo treinador. Cobrado por torcedores, o clube divulgou uma nota oficial explicando qual o motivo da negociação errada. E foi duro.

O clube disse que Bruno Paiva, representante da OTB Sports, empresa que agencia Seedorf, pediu "exorbitante comissão" para fechar o negócio. E também acusou o agente de trabalhar para tirar atletas do clube, como foi o caso do goleiro Weverton, que rumou para o Palmeiras. Parecia que ficaria por aí, né? Dá uma olhadinha então no post da OTB Sports no Instagram.

Em nota assinada por Bruno Paiva e Marcelo Goldfarb, a OTB disparou para cima do presidente do Atlético-PR, Mário Celso Petraglia. O dirigente foi chamado de "gagá" e teve a saúde mental questionada. A OTB ainda sugere que amigos e família busquem ajuda profissional. Que baixaria....