OUTROS

Aquecimento global: Florida poderá ser inundada em décadas

Author
Aquecimento global: Florida poderá ser inundada em décadas

Em 1890, pouco mais de seis mil pessoas viviam nas terras baixas e úmidas do sul da Flórida. Desde então, as zonas pantanosas que cobriam metade do estado ao sul dos Estados Unidos foram drenadas, os shoppings substituíram os charcos e a população aumentou mil vezes. No entanto, esse paraíso dos aposentados americanos e a segunda casa dos brasileiros que buscam a Disney (somos o terceiro maior público da terra do Mickey) pode estar com os dias contados pelo aumento do nível do mar.

Harold Wanless, presidente do departamento de geologia da Universidade de Miami, explicou à população local que "apenas 7% do calor que fica preso pelos gases do efeito estufa é armazenado na atmosfera". Os outros 93% se armazenam nos oceanos e isso vem derretendo as calotas polares do planeta além de modificar correntes marítimas e de ventos na atmosfera.

Wanless, que está em seus setenta anos e estuda o aumento do nível do mar há mais de 40 anos, explica que o aumento da temperatura é o que o governo americano vem chamando de "fake news": o aquecimento global.

Mark Rubio, senador americano pela Flórida, prevê que se não houver um plano de contingenciamento para o avanço do mar no estado (1,5 metro por ano), que deve acontecer nas próximas décadas, provavelmente a metade dos 6 milhões de moradores da Flórida deverá ser obrigada a deixar suas casas ao sul do estado.

"A grande história na Groenlândia e na Antártida é que o aquecimento do oceano está entrando nas profundezas do gelo, fazendo com que o gelo desmorone mais rápido do que se previa, o que fará com que o nível do mar suba mais rápido do que se previa", explicou Harold Wanless nos seus seminários.