Marcas que estão na sarjeta

Marcas que estão na sarjeta

Saindo da rua Santa Cruz e caminhando por três quadras na rua Dom Sebastião do Rego ontem, Vila Gumercindo, capital paulista, recolhi do chão cinco propagandas pequenas, da mesma empresa, e uma grande, todas no mesmo lado da calçada. Sem procurar muito, apenas seguindo pelo trajeto que costumo fazer sempre. No folheto maior, um mea culpa no rodapé em letras miúdas: “Não jogue este impresso em vias públicas. Mantenha a cidade limpa.” A distribuição desses materiais é um problema caro à cidade de São Paulo.

Na via-crúcis para tentar entender o porquê de a prática ser tão recorrente, descobri que a lei 14.517, de 2017, no seu artigo 26, desautoriza a atividade de uma maneira geral, como segue: “É proibida, nas vias e logradouros públicos, a distribuição de folhetos, panfletos ou qualquer tipo de material impresso veiculando mensagens publicitárias, entregues manualmente, lançados de veículos, aeronaves ou edificações ou oferecidos em mostruários.”

Daí ficou clara a razão de a atividade indiscriminada ser tão natural. O flagrante é mais difícil. O panfleteiro deixa o material publicitário em caixas de correio ou no interior da residência e rapidamente desaparece, diferentemente daqueles que ficam postados em locais movimentados. Basta fazer uma pesquisa no buscador de internet com os termos mágicos “panfletagem” e “São Paulo” para constatar que a distribuição porta a porta é bastante ofertada por pelo menos três empresas especializadas nesse tipo de marketing.

Voltando às empresas que motivaram esse artigo. Uma delas é um Sacolão e a outra é uma empresa de entrega de refeições. Analisando a presença delas nas redes sociais, percebe-se que ambas estão no Facebook. A primeira simplesmente não investe nesse tipo de comunicação. Há algumas fotos escuras e ausência de postagens próprias. No segundo caso, há algumas fotos melhores, existe até uma marca criada, todavia as postagens são muito espaçadas e pouco significativas.

Não vejo como essas panfletagens podem aumentar os lucros dessas duas empresas. Penso que um investimento em marketing digital pode trazer um retorno muito maior. A possibilidade de se fazer uma comunicação dirigida para o público-alvo da empresa é simplesmente fabulosa. Muito melhor do que papéis coloridos pisados, que não raro vão entupir bocas-de-lobo e piorar as enchentes de São Paulo, além de revelar um descompromisso gritante das empresas com a responsabilidade socioambiental.

Liked by 1 users

Comments

People also liked

Related stories
1.India Vows “Isolation” Of Pakistan After Deadly Terrorist Attack
2.Should You Wake Up Early? Not Necessarily
3.Prince Philip Not To Face Charges Over Crash
4.Buying Into No-Buy
5.Indian Lawmakers Summon Twitter CEO Jack Dorsey
6.Is A Single Time Zone Hurting India?
7.U.S. Has A Brush With China, Now At Sea
8.Pope Gets A Challenge: Be Vegan For Lent
9.Hawaii Planning To Ban Cigarettes
10.Park Runner Chokes Mountain Lion To Death
500x500
500x500