Massacres em escolas brasileiras e o porte de armas

Massacres em escolas brasileiras e o porte de armas

Massacres em escolas brasileiras e o porte de armas

Desde que Jair Bolsonaro se tornou presidente da república, o registro de armas disparou, atingindo uma marca espantosa de 280%.

O estatuto do desarmamento e a flexibilização proposta pelo novo presidente são uns dos assuntos mais comentados em plena nuvem de tragédia com os acontecimentos de hoje em Suzano, Zona Leste de São Paulo.

Porte de armas no Brasil e no exterior

A questão das armas foi tida como uma das principais propostas do presidente Jair Bolsonaro durante toda sua campanha. Ele falava apoiando a causa da liberalização e também ironizava a questão fazendo gestos com a mão e promessas de metralhar adversários.

A cultura estadunidense, incluindo desde roupas e comidas até jogos e séries, é uma das favoritas entre os jovens das cidades brasileiras. Mas parece que as patologias sociais também acabam sendo importadas.

Os EUA são um país em que é muito mais fácil obter uma arma, e os casos de massacres são muito numerosos. Além das escolas, não são raras as notícias de ataques a hospitais e igrejas.

Este tipo de “terrorismo doméstico” já virou rotina no país norte-americano, que possui setores do governo e profissionais de saúde mental especializados no assunto.

No Brasil contudo a prática ainda causa muito choque e comoção nacional. Desde 2002, oito casos do tipo foram registrados.

Massacres em escolas brasileiras e o porte de armas
O Senador Major Olímpio sugeriu que a melhor solução era que os professores pudessem responder aos tiros. (Foto: Gabriela Korossy / Câmara dos Deputados)

A solução do Major Olímpio

Para o Senador Major Olímpio, "Se os professores estivessem armados, e se os serventes estivessem armados, essa tragédia de Suzano teria sido evitada".

Na visão trumpista do senador, é mais importante não perder a razão e defender as inclinações ideológicas armamentistas do que tentar prevenir futuras tragédias do tipo.

Será que uma escola segura é aquela onde cada professor e “servente” carrega uma pistola na cintura? Quais seriam os efeitos deste tipo de distribuição massiva de armas pelo país? Não será que os tiroteios nas escolas estão ligados ao ambiente precário onde nossas crianças estão estudando?

O Brasil tem escalado os rankings de violêcia e hoje ele é considerado o país com o maior índice de homicídios com arma de fogo do mundo. Antes que você diga que isso é porque não temos como nos defender, vale lembrar que logo atrás estão os Estados Unidos.

Outros massacres que aconteceram em escolas brasileiras:

• Taiúva (SP) em 2003: um ex-aluno causou uma morte, deixou nove feridos e suicidou-se em seguida.

• Realengo (RJ) em 2011: outro ex-aluno deixou 12 mortes e 13 feridos. O atirador também suicidou-se.

• São Caetano do Sul (SP) em 2011: um aluno de 10 anos de idade atirou na professora e depois suicidou-se. A arma era do pai, um guarda civil.

• Goiânia (GO) em 2017: no caso mais recente, um estudante de 14 anos matou dois colegas e feriu cinco.

A capacidade de matar inimigos hipotéticos não irá diminuir a violência no nosso país, mas fazê-la crescer, como foi o caso dos americanos, de quem também copiamos a mídia sensacionalista, violenta e amedrontadora. Ao invés de enterrar a cabeça no chão, armados ou não, precisamos rever urgentemente as reais necessidades imediatas da nossa própria população.

Seja o primeiro a curtir!

Comentários

avatar

As pessoas também curtiram

Histórias relacionadas
1.Aluna é queimada viva por denunciar assédio em Bangladesh
2.Como satisfazer um homem na cama?
3.A guerra entre a Mídia e Bolsonaro: 'Precisamos da mídia para que 'democracia não se apague'
4.Porque a maioria das mulheres sentem dor na hora H
5.Ação contra Aécio Neves “passa da validade” e é extinta em MG
6.Após apelo do prefeito, Museu desiste de homenagear Bolsonaro em NY
7.Olhe pra mim, sou cult: 7 filmes cults de verdade
8.Vídeo: Por causa de um “esbarrão”, policial civil mata um militar em boate
9.Após fazer piada sobre derrame, comediante morre durante show
10.Viagem aos Eua - O que posso trazer para o Brasil sem ser taxado  
500x500
500x500