A Bola Pune
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
A Bola Pune
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
A Bola Pune
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Brasileirão das contusões: três rodadas apenas e vários times desfalcados

ABolaPune
há 5 meses3.7k visualizações

O técnico passa dias armando o time, escolhe seus 11 titulares e, após apenas um jogo, tem de repensar sua estratégia por causa das contusões. Competição mais disputada do País, o Brasileirão teve apenas três rodadas jogadas e muitos times já estão desfalcados por causa das lesões.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

Algumas equipes vão ficar um bom tempo sem peças importantes, outras 'festejam' que seus atletas não se machucaram com tanta gravidade. Perdem, contudo, ao menos um jogo, o que já mexe na estrutura.

O Santos iniciou a competição apontado como um dos candidatos ao título, mas logo na segunda rodada viu Lucas Lima sentir uma lesão muscular com apenas 4 minutos em campo diante do Coritiba.

Brasileirão das contusões: três rodadas apenas e vários times desfalcados

Sem seu maestro, viu o poder ofensivo ficar comprometido e já caiu diante do Cruzeiro. O clube ainda não o terá no clássico contra o Corinthians.

Para piorar ainda mais a situação, o lateral-esquerdo Zeca é outra preocupação. O camisa 3 acabou substituído diante do Cruzeiro com fortes dores na panturrilha esquerda e passará por reavaliação para saber a gravidade da lesão.

Brasileirão das contusões: três rodadas apenas e vários times desfalcados

No Corinthians a situação não é diferente. Pablo saiu com dores na primeira rodada e perdeu um jogo. Agora é Balbuena quem não atuou por causa de uma lesão muscular.

Brasileirão das contusões: três rodadas apenas e vários times desfalcados
Brasileirão das contusões: três rodadas apenas e vários times desfalcados

A nova dor de cabeça é com o meia Jadson, que saiu de campo diante do Atlético-GO com dores na coxa direita. Vai passar por exames.

Brasileirão das contusões: três rodadas apenas e vários times desfalcados

Peça importante do meio-campo do São Paulo, Thiago Mendes está com um edema no ligamento colateral medial do joelho direito e sem previsão de retorno. Ele se machucou na segunda rodada.

Brasileirão das contusões: três rodadas apenas e vários times desfalcados

Morato, Wellington Nem e Wesley são outras baixas do elenco por causa de contusões. Esses nem iniciaram o Brasileirão.

Titular absoluto da lateral-esquerda do Grêmio, Marcelo Oliveira teve uma luxação no ombro direito e saiu de maca na estreia diante do Botafogo. Ele fica ausente por um mês.

Brasileirão das contusões: três rodadas apenas e vários times desfalcados

Com elenco enxuto e sem perspectivas de contratação, o Fluminense perdeu uma de suas peças mais importantes para o funcionamento: o meia Sornoza.

O equatoriano fraturou o tornozelo esquerdo diante do Atlético-MG na segunda rodada, passou por cirurgia, e ficará três meses afastado.

Brasileirão das contusões: três rodadas apenas e vários times desfalcados

Na terceira rodada, outros três esquadrões viram jogadores saírem de campo mais cedo por causa das temidas contusões. Campeão da Copa do Nordeste no meio de semana e em alta no Bahia, o meia Régis sentiu uma contusão muscular no primeiro tempo diante do Botafogo.

Brasileirão das contusões: três rodadas apenas e vários times desfalcados

No mesmo jogo, o meia João Paulo, dos cariocas, também foi para o chuveiro mais cedo, por causa de dores nas costas.

Brasileirão das contusões: três rodadas apenas e vários times desfalcados

Na Vila Belmiro, o Cruzeiro ganhou, mas viu Dedé e Arrascaeta serem substituídos por lesões. O zagueiro saiu no intervalo por causa de dores no joelho esquerdo, enquanto o meia uruguaio levou uma tesoura de Copete e saiu com trauma no joelho.

Brasileirão das contusões: três rodadas apenas e vários times desfalcados
Brasileirão das contusões: três rodadas apenas e vários times desfalcados

A terceira rodada foi encerrada com Chapecoense é Avaí e óbvio que alguém tinha de sair machucado. Autor do primeiro foi (jogo foi 2 a 0 para a líder Chape), Wellington Paulista sentiu um desconforto muscular e acabou substituído aos 5 do segundo tempo.

Brasileirão das contusões: três rodadas apenas e vários times desfalcados

Que essa história de lesões diminua, para o Brasileirão não ficar ainda mais esvaziado, pois já não conta com os bons nomes de Jefferson, Rafael Sobis, Danilo, Douglas, Moisés, Luan, Montillo, Diego, Conca... Todos em recuperação de contusões ou cirurgias.

Líder no cartão, time no táxi, alvo para chutes, gol de 'suspenso'. É a Série A

ABolaPune
há 5 meses8.9k visualizações

A terceira rodada do Brasileirão mostrou que nosso futebol é diferenciado, competitivo e muito engraçado. Têm coisas que só acontecem aqui e você verá que não estou exagerando. A começar pelo líder Corinthians, dono da primeira posição graças aos... cartões amarelos.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Líder no cartão, time no táxi, alvo para chutes, gol de 'suspenso'. É a Série A

Sim, o time apontado como quarta força paulista no começo do ano hoje pode se gabar de figurar no topo da elite nacional. O Corinthians, ao lado do Cruzeiro, são os dois únicos dois times com sete pontos (não está computado Chapecoense x Avaí). E a disciplina dos comandados de Fábio Carille faz a diferença.

Os corintianos evitam ao máximo fazer faltas desleais e isso os colocou no topo ao final dos jogos de domingo. Empatado em vários critérios de desempate com os mineiros, o Timão está na ponta por ter levado apenas três amarelos, diante de seis do oponente.

Líder no cartão, time no táxi, alvo para chutes, gol de 'suspenso'. É a Série A

Má pontaria

Se o Corinthians está no topo, o Atlético-PR amarga a zona de rebaixamento. Tudo por causa das muitas chances de gols desperdiçadas. Ciente do pé torto do time, a torcida usou do bom humor para ajudar.

Setas e uma faixa escrita "chute" nas arquibancadas indicavam o local onde os jogadores deviam mandar a bola no jogo com o Flamengo. Mas apenas Thiago Heleno acertou o alvo. Talvez os jogadores também precisem de óculos. Fica a dica.

Líder no cartão, time no táxi, alvo para chutes, gol de 'suspenso'. É a Série A

Vou de táxi

Os jogos dos cariocas foram os mais 'diferentes' da rodada. Além da faixa contra o Flamengo, o clássico entre Vasco e Fluminense ficou marcado pela chegada diferenciada dos cruzmaltinos em São Januário.

O ônibus da delegação quebrou e sete táxis serviram de condução para jogadores e comissão técnica. Eles chegaram ao estádio sem atrasos e no campo fizeram a festa da torcida com 3 a 2.

Líder no cartão, time no táxi, alvo para chutes, gol de 'suspenso'. É a Série A

Gol de 'suspenso'

O Botafogo, outro time do Rio a jogar, ganhou do Bahia por 1 a 0 graças a um gol do 'suspenso' Bruno Silva. O volante levou 3 jogos de gancho sexta-feira por chutar a bola no juiz diante do Grêmio. Atuou com efeito suspensivo e decidiu. Vitória da indisciplina.

Líder no cartão, time no táxi, alvo para chutes, gol de 'suspenso'. É a Série A

Filho de técnico 'aprova' derrota na Vila Belmiro

O Santos não teve Dorival Jr no jogo contra o Cruzeiro. Ele ficou nas tribunas, suspenso. Sem o comandante, sobrou para seu filho, Lucas Silvestre, a obrigação de dirigir o time pela primeira vez num Brasileirão. E ele 'estreou' na competição festejando uma derrota. Sim, o Santos levou 1 a 0 e seu treinador saiu de campo feliz com o que viu. Vai entender.

Líder no cartão, time no táxi, alvo para chutes, gol de 'suspenso'. É a Série A

Bronca sem razão

Após a derrota por 1 a 0 na Arena Fonte Nova para o Coritiba, o técnico Petkovic teve de enfrentar a ira da torcida, revoltada com a campanha péssima neste início de Série A - apenas um ponto somado. Os torcedores ainda bateram boca com o treinador, indignados com a substituição de Willian Farias. Petkovic explicou que o jogador pediu para sair dez minutos antes da troca, mesmo assim a torcida não aceitou suas justificativas.

Líder no cartão, time no táxi, alvo para chutes, gol de 'suspenso'. É a Série A
Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por
Writer avatar
ABolaPune
Equipe Storia Brasil