A Bola Pune
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
A Bola Pune
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
A Bola Pune
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Cedo demais? Torcida do Corinthians grita "é campeão" com 17 rodadas para o fim

Jogo duro, equilibrado, mas novamente vencido pelo líder do Brasileirão. Jô marcou o gol da vitória sobre a Chapecoense, por 1 a 0, aos 44 do segundo tempo e fez os torcedores corintianos das arquibancadas soltarem o grito: "é campeão, é campeão".

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Cedo demais? Torcida do Corinthians grita "é campeão" com 17 rodadas para o fim

O Corinthians abriu 10 pontos de vantagem para o Grêmio, o segundo colocado, e 14 em relação ao Santos, o terceiro. Mas ainda restam 17 rodadas para o fim do Brasileirão. Cedo demais para comemorar?

Jô manteve o discurso humilde de pés no chão e que nada está ganho. Deixou a festa para os torcedores. Mas até os adversários já jogam a toalha. O fato é: o Corinthians, mais que a boa vantagem, tem esquema sólido e quase não perde pontos.

O heptacampeonato brasileiro só escapa do Timão com uma grande catástrofe. Mas elas acontecem no futebol e nada melhor que a manutenção da cautela. Não acham?

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou

Triste e cada vez mais comum, a cena deixa os apaixonados por futebol chocados: jogadores saem de campo chorando por causa de uma lesão. Restando quatro meses para o fim do ano, diversos times estão perdendo peças importantes por causa de contusões. Tem até jogador dando adeus à temporada.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

Nenhum time escapa dessa dura estatística. E não dá para culpar a sequência de jogos. O líder Corinthians ficou 13 dias sem partidas, retornou diante do Vitória 'descansado' e acabou perdendo o lateral-esquerdo Guilherme Arana, com contusão muscular na coxa direita. Ele até chorou após a substituição e sentado banco de reservas.

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou

Veja outros que estão fora de ação na fase decisiva da temporada (sem contar nomes que se recuperam já faz um tempo):

Balbuena

Zagueiro corintiano também sofreu uma lesão muscular após a parada de 13 dias do time. Por causa das dores na coxa esquerda, pode desfalcar a equipe em rodadas importantes. A lesão foi constatada no treino antes do jogo com a Chapecoense.

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou

Pedro Geromel

Serão 20 dias de ausência do zagueiro gremista dos gramados por causa de uma lesão muscular na coxa direita.

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou

Dudu

Com lesão muscular na coxa esquerda, meia-atacante palmeirense só retorna em um mês.

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou

Mina

Zagueiro é mais um desfalque do Palmeiras. Colombiano fraturou o osso do pé e deve retornar apenas nos últimos jogos do ano. A recuperação dura três meses.

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou

Jailson

Goleiro ganhou chance, mas foi titular do Palmeiras em apenas 5 jogos. Ele sofreu uma lesão no músculo do quadril e para por um mês.

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou

Marcelo Oliveira

Lateral-esquerdo do Grêmio sofreu lesão muscular na coxa direita e para por três semanas.

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou

Wellington Nem

Atacante passou por cirurgia no joelho direito após romper os ligamentos e só volta a jogar em 2018.

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou

Vecchio

Desprezado por Do rival Jr., meia ganhou chance com Levar Culpi e vinha sendo titular até compre o músculo do adutor da coxa. Serão mais de 30 dias de ausência.

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou

Renato Cajá

Cérebro do meio-campo da Ponte Preta, meia está sem jogar por problema muscular na coxa.

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou

Berrío

Atacante colombiano do Flamengo sofreu um entorse no tornozelo após entrada dura de Rodrigo Pimpão no clássico com o Botafogo.

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou

Jonathan

Destaque do Atlético-PR no ano, lateral-direito sofre com as seguidas contusões e mais uma vez está fora de ação por causa de problemas musculares.

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou

Ariel Cabral

Volante do Cruzeiro sofreu um trauma torcional no tornozelo esquerdo, foi operado e só retorna em 2018.

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou

Neris

Último reforço contratado pelo Sport, zagueiro foi relacionado em 9 jogos e, sem estrear, sofreu uma lesão muscular na coxa que o afasta por 45 dias.

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou

Paulão

Zagueiro vem desfalcando o Vasco por problema muscular na coxa.

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou

Marcos Calazans

A aventura do jovem atacante do Fluminense no time principal durou pouco. O garoto vinha se destacando, mas rompeu o ligamento cruzado do joelho, passou por cirurgia e só volta a atuar no próximo ano.

Lesões voltam a assombrar times brasileiros e para alguns 2017 já acabou
Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por
Writer avatar
ABolaPune
Equipe Storia Brasil