GENTE

Ela saiu com 52 caras em um ano e agora dá 3 dicas excelentes pra quebrar o gelo

Alexandre Ribeiro
Author
Alexandre Ribeiro

Entre 2011 e 2012, Emyli Lovz (pelo menos é esse o nome que ela usa profissionalmente) saiu 101 vezes com 52 homens diferentes. Era uma tentativa “científica” de abordar amor e romance, ela diz. Hoje, ela é uma dating coach, uma dessas pessoas que ajudam outras a encarar encontros e relacionamentos. E Emyli fez um texto para o Business Insider com três dicas essenciais para quebrar o gelo naquela primeira saída com uma pessoa.

Ela saiu com 52 caras em um ano e agora dá 3 dicas excelentes pra quebrar o gelo

1. Faça um aquecimento

Emyli fala de um encontro como um atleta fala de uma competição. É preciso se preparar, “aquecer”. Ela sempre recomenda que seus clientes façam uma espécia de “aquecimento social” antes de um encontro. Isso pode ser uma visita a um café para bater um papo com o barista ou ir ao mercado e puxar assunto com o caixa. É importante sair de casa pelo menos uma hora antes de um encontro. Isso ajuda a acalmar e faz você entender que conversar com uma pessoa nova não é nada assustador - não importa o tamanho de sua timidez.

2. Faça uma atividade como quebra-gelo

No seu encontro #53, Emyli participou de uma aula de jiu-jitsu com o rapaz que ela conheceu no OKCupid. Em cinco minutos de aula, os dois já estavam com o sangue bombando, liberando endorfina e - importante - em contato físico. De cara, os dois estavam rindo e se divertindo, sem precisar passar pelo “protocolar” café ou barzinho com aquele papo furado de quebra-gelo. Logo, o conselho é esse: não se feche a atividades como uma aula de dança ou uma corridinha como primeiro encontro.

3. Seja honesto

No encontro número 59 dos 101, Emyli precisou lidar com um rapaz que chegou atrasado e fez um esforço enorme para ser sarcástico e engraçado. E ficou chato. De modo geral, não é nada recomendável usar sarcasmo no primeiro encontro. Primeiro porque passa insegurança. Além disso, você não sabe como o outro vai reagir. E ninguém não precisa ser comediante para impressionar o outro, né?.