COMPORTAMENTO

Essa selfie brutalmente honesta de uma mulher ajuda a salvar vidas

Автор

Uma moça chamada Tawny Willoughby postou em 2015 uma selfie que mostrava seu rosto cheio de cicatrizes e marcas vermelhas. A legenda dizia, entre outras coisas, “é assim que o tratamento de câncer na pele pode te deixar.” Hoje, quase três anos depois, a imagem vem ajudando a salvar vidas.

Essa selfie brutalmente honesta de uma mulher ajuda a salvar vidas

Na época, Tawny tinha 27 anos. Ela costumava frequentar locais de bronzeamento artificial. Aos 21, foi diagnosticada com câncer a pele. Ela contou que chegou a fazer bronzeamento artificial quatro vezes por semana quando ainda estava no ensino médio.

A imagem chocou muita gente e já foi compartilhada 105 mil vezes. Não só isso: depois que o post viralizou, a imprensa americana deu bastante atenção ao fato - e, claro, aos cuidados necessários para evitar câncer de pele.

Na legenda, Tawny, que hoje usa o sobrenome Dzierzek, dizia: “Use filtro solar e compre um spray de bronzeamento. Aprenda com os erros dos outros. Não deixe o bronzeamento te impedir de ver seus filhos crescerem. Esse é meu maior medo agora que tenho um menino de 2 anos.”

Segundo um estudo publicado no Preventive Medicine, o post de Tawny gerou um aumento de 162% em procuras sobre os termos câncer e pele no Google. Durante o ápice da cobertura de mídia sobre seu caso, houve até 229 mil buscas por “câncer de pele” em só uma semana.

A pesquisa concluiu que “um post de uma pessoa normal em redes sociais captou a imaginação do público e levou a aumentos significativos no engajamento do público com métodos de prevenção contra câncer de pele.” Tawny ajudou a salvar vidas, e você pode fazer o mesmo compartilhando a história dela. Que tal?