GENTE

Guia turístico assusta urso polar e acaba multado

Alexandre Ribeiro
Author
Alexandre Ribeiro

Você está de férias, passeando, conhecendo paisagens e, de repente, avista um urso polar. Você começa a andar (ou correr!) na direção oposta, certo? Pois não foi isso que fez um guia turístico na Noruega. E ele acabou pagando caro. Literalmente!

Guia turístico assusta urso polar e acaba multado

Aconteceu quando um grupo de turistas fazia uma excursão de snowmobile (aquelas motinhos tipo jet ski pra neve) pelo arquipélago de Svalbard. Era parte do passeio avistar um urso polar, só que quando um bichão apareceu no horizonte, o guia teve a "brilhante" ideia de mandar todo mundo pilotar na direção do urso.

O que aconteceu? O animal ouviu e viu aquelas máquinas todas indo na direção dele, imaginou que boa coisa não podia ser e resolveu sair correndo. Os turistas perderam tempo e ninguém viu o urso de perto.

Seria um acontecimento normal na maioria dos países, mas não na Noruega. A “perseguição” custou ao guia pouco mais de US$ 1.500 (uns R$ 4.600) porque segundo as leis de Svalbard, que fica entre a Europa continental e o Polo Norte, é proibido perturbar ursos polares, independentemente da distância. Lá, existem cerca de 2.145 humanos e mil ursos. Eles são considerados um símbolo do arquipélago, por isso são uma espécie protegida desde 1973.