COMPORTAMENTO

Que Maravilha! Gal Gadot só filmará sequência se expulsarem Brett Ratner

Autor

Gal Gadot, a Mulher-Maravilha dos cinemas, mandou um recado forte contra a cultura de assédio sexual em Hollywood. A atriz, principal estrela do filme de super-herói que mais lucrou na história, a atriz avisou: só vai filmar "Mulher-Maravilha 2" se o produtor Brett Ratner não estiver mais envolvido na franquia.

Que Maravilha! Gal Gadot só filmará sequência se expulsarem Brett Ratner

A informação é do “Page Six”, que lembra que Gadot já havia canelado sua participação em um jantar de homenagem a Ratner. Ela entregaria um prêmio a ele durante uma pequena cerimônia.

O produtor, cuja empresa ajudou a financiar "Mulher-Maravilha", vem sendo acusado de assédio sexual por várias mulheres - entre elas, Ellen Page, Olivia Munn e Natasha Henstridge. Ratner segue negando as acusações, o que não está adiantando muita coisa. A Warner Bros, por exemplo, já cortou relações com o diretor e produtor.

Quanto à sequência de "Mulher-Maravilha", a postura de Gadot é exemplar. Afinal, como um filme que aborda o empoderamento feminino poderia ser financiado por um homem acusado de abusar de mulheres?