DICAS

Saiba que bilhetes comprar para andar no metrô de Moscou

Autor

O metrô de Moscou tem algumas das estações mais bonitas (e misteriosas - leia mais sobre isso abaixo) do planeta, e se você estiver pensando em ir à Rússia para a Copa do Mundo de 2018, é bom ir se planejando desde já. Neste post, a gente dá dicas de que cartões comprar e quanto gastar para se deslocar na capital do país de Putin.

Saiba que bilhetes comprar para andar no metrô de Moscou

1. Cartão Troika

É a opção mais simples e mais comum em Moscou. O cartão Troika é de plástico e vale por cinco anos, então você pode guardá-lo para voltar ao país em outra viagem. Além disso, ele vale no metrô, nos ônibus, nos trams e nos trolleys.

Uma viagem custa 35 rublos (mais ou menos R$ 2), e se você mudar de transporte em até 90 minutos, a segunda viagem custa só 19 rublos (mais ou menos R$ 1,10). Se você fizer uma terceira viagem dentro desse período, ela sai de graça. O mesmo vale para quantas viagens adicionais você fizer nessa hora e meia.

O cartão Troika está à venda nos quiosques do metrô e nos caixas automáticos de bilhetes. Ele não custa nada, mas você precisa depositar um mínimo de 50 rublos (R$ 2,80) para ativá-lo. Carregar o cartão Troika é simples: você pode fazê-lo com uma atendente nas bilheterias, nos terminais automáticos ou até mesmo no aplicativo oficial do metrô de Moscou.

E se você for embora da Rússia e tiver crédito no cartão, é possível resgatar o dinheiro em um dos Centros de Serviço do Metrô. Simples o bastante, não?

Saiba que bilhetes comprar para andar no metrô de Moscou

2. Bilhete Yediny

O Yediny é um cartãozinho vermelho que te permite comprar várias passagens em qualquer transporte público de Moscou. Você pode comprar 1, 2, 20, 40 ou 60 viagens. Quanto maior o número, mais barato fica por viagem. O cartão de 60, por exemplo, custa 1.700 rublos, o que equivale a cerca de R$ 95. Logo, cada viagem vai custar mais ou menos R$ 1,60.

O cartão Yediny é válido por 90 dias e pode ser adquirido em qualquer quiosque do metrô de Moscou.

3. Cartões por dia

Se você vai realmente andar muito de metrô, uma opção interessante pode ser os cartões por dia – sem limite de viagens. É possível comprar cartões de 30, 60, 90 dias e até de um ano.

A direção do metrô moscovita, porém, recomenda que turistas comprem três tipos de bilhetes: 1 dia, 2 dias ou 7 dias. Este último custa o equivalente a cerca de R$ 45 e te deixa passear à vontade por uma semana. Todos estão à venda nos quiosques do metrô.

4. Pulseira

Saiba que bilhetes comprar para andar no metrô de Moscou

Não são só pulseiras. Existem anéis e chaveiros com chips de transporte em Moscou. São, aliás, ótimas lembranças de viagem. A pulseira, opção mais cara, exige um depósito mínimo de 450 rublos (R$ 25), e cada passagem vai custar o mesmo que se você estivesse usando um cartão Troika. 

E se você quer saber mais sobre o metrô de Moscou, a gente indica este texto sobre alguns dos mistérios de várias das estações da cidade: