ENTRETENIMENTO

Cirurgia no bumbum quase mata Camilla Uckers, e ela não aprendeu a lição - Veja

Autor

Ontem Camilla Uckers, uma youtuber pernambucana postou um vídeo relatando ter sido internada por conta de uma infecção causada pelo silicone que foi posto em seu bumbum. Disse que sabia que tinha algo errado desde que saiu da clínica porque já saiu mancando, e eu pergunto, por que não foi ver isso antes?

Você já parou pra pensar em que medida parece ok colocar silicone no bumbum? Mesmo que a cirurgia dê certo, é um pacote inútil bem onde a gente senta, não sei não. E tem tanto bumbum enorme por aí que acho que um mais mirradinho pode até ser charmoso. Tem gosto pra tudo e pra todos! :) Mas tá, a Camilla pôs a coisa e a coisa foi rejeitada, e ela quase morreu. Por que ela não fala o nome do médico ou médica? Denuncia o profissional, Camilla! 

Cirurgia no bumbum quase mata Camilla Uckers, e ela não aprendeu a lição - Veja

                                                                       Camilla Uckers

Camilla está nas orações, só que ao invés de estar em choque com a quase morte, está em choque com o antigo bumbum que voltou. Eu não sei vocês minha gente, mas pra mim isso soou um pouquinho fora da realidade. Ou talvez um enorme desespero de ser "gostosa" e famosa, e o enorme desespero de ser gostosa e famosa é muito medo da solidão, da vida e de si mesma. Nada espiritualizado isso, Camissss.... Isso com certeza atrapalha a carreira da Camilla porque o ser famoso vem depois do exercício profissional na área, e as próteses não tem nada a ver com isso, caso contrário a youtuber Jout Jout, por exemplo não teria dado certo, afinal ela é total fora do padrão e bem magra e normal. A Jout jout dá certo porque é uma excelente profissional. E Camilla também pode ser independente do bumbum.

O diferencial da pessoa e do profissional não pode estar na prótese, ainda mais num mundo onde tanta gente tem esse tipo de implante. Ao menos Camilla disse que não vai por mais, ufa, ao menos isso. Como disse Jout jout, as pessoas não estão aqui no mundo pra agradar o senso estético das outras, então, profissionais não estão no mundo pra agradar com o próprio corpo o senso estético dos outros, a gente nasce do jeito que nasce, a não ser profissionais da estética (modelos), mas aí agradam o senso estético da moda que nem é o mesmo que o de todo mundo. Então podemos olhar mais pro conteúdo profissional, intelectual e mental das pessoas e menos para seu fenótipo, sua capa, sua aparência, talvez assim paremos de judiar um dos outros.

No Brasil temos muitos casos de cirurgias que deram errado e inclusive algumas que causaram mortes, e quando se trata das cirurgias estéticas as mulheres são as que mais fazem e que mais correm risco atrás de ficar dentro de um padrão de beleza que é aclamado por pessoas que nem valem tanto assim, são pessoas também padronizadas que só gostam desse tipo de padrão e daqui há alguns anos vão gostar de outro tipo de padrão e daí precisa fazer cirurgia toda hora, porque as coisas mudam com os anos, nem sempre a mulher bombada foi o padrão de beleza. Então, vamo ficar de boa que o que é nosso tá guardado.

Cirurgia no bumbum quase mata Camilla Uckers, e ela não aprendeu a lição - Veja

                                                                        Marilyn Monroe