Barracos hollywoodianos
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Barracos hollywoodianos
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Barracos hollywoodianos
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Indicações ao Oscar saem nesta terça: veja quem pode surpreender

BingeWatchMe
há 9 meses172 visualizações
Indicações ao Oscar saem nesta terça: veja quem pode surpreender
Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

A corrida para o Oscar deste ano está um pouco mais imprevisível do que a do ano passado, muito por conta de que "La la land" ficou isolado nas categorias de comédia no Globo de Ouro e deixou o campo aberto para vitórias variadas nas categorias de drama. Pois bem, as dúvidas serão eliminadas nesta terça-feira, com o anúncio dos indicados. Vejamos quem pode surpreender geral:

Melhor Filme

Com certeza, veremos "La la land", "Manchester à Beira-Mar", "Moonlight" e "Fences" entre os indicados, mas, como a Academia pode indicar até 10 filmes (geralmente são oito), é possível que "Deadpool" coloque a Marvel na briga com um de seus melhores filmes. Seria uma grande surpresa, sem dúvida, mas bastante agradável.

Melhor Diretor(a)

Tem muita gente correndo por fora em busca das duas vagas "restantes" (contando que Damien Chazelle de 'La la land', Barry Jenkins de 'Moonlight' e Kenneth Lonergan de 'Manchester...' não devem ficar fora). Atores-diretores como Denzel Washington (Fences) e Mel Gibson (Hacksaw Ridge) são as apostas seguras, mas existe burburinho a favor de Tom Ford ("Animais Noturnos") e até para Jon Favreau, pela versão live-action de "Mogli: O Menino Lobo" (pois é). Nate Parker, que dirigiu o filme ativista "O Nascimento de Uma Nação", também seria uma surpresa, pois foi alvo de muitas críticas por já ter sido acusado de estupro no passado.

Indicações ao Oscar saem nesta terça: veja quem pode surpreender

Melhor Ator

Esta categoria está um pouco mais definida. Casey Affleck, Andrew Garfield, Ryan Gosling, Viggo Mortensen e Denzel Washington parecem bem seguros no quesito burburinho. Quem pode surpreender é o sempre subestimado Jake Gyllenhaal ("Animais Noturnos") e Tom Hanks ("Sully") pois Tom Hanks.

Indicações ao Oscar saem nesta terça: veja quem pode surpreender

Melhor Atriz 

Quatro vagas parecem seguras: Amy Adams (“A Chegada”), Isabelle Huppert (“Elle”), Natalie Portman (“Jackie”) e Emma Stone (“La la land”). A última pode ir para Meryl Streep (o discurso no Globo de Ouro é de grande ajuda), Jessica Chastain ("Miss Sloane") ou talvez para a etíope-irlandesa Ruth Negga, o que certamente acalmaria um pouco os ânimos após o #OscarsSoWhite de 2016.

Indicações ao Oscar saem nesta terça: veja quem pode surpreender

Melhor Ator Coadjuvante

A vitória de Aaron Taylor-Johnson no Globo de Ouro deixou todo mundo no local com o queixo no chão e isso é um indício de que foi um delírio dos jornalistas da Hollywood Foreign Press e não há muito apoio para ele na Academia. Veremos. Talvez ele se junte a Mahershala Ali (“Moonlight”), Jeff Bridges (“Hell or High Water”), Hugh Grant (“Florence Foster Jenkins”) e Lucas Hedges (“Manchester by the Sea”).

Indicações ao Oscar saem nesta terça: veja quem pode surpreender

Melhor Atriz Coadjuvante

Difícil vermos surpresas aqui, galera. A lista parece fechada em Viola Davis (“Fences”), Naomie Harris (“Moonlight”), Nicole Kidman (“Lion”), Octavia Spencer (“Hidden Figures”) e Michelle Williams (“Manchester à Beira-Mar”). E também já chegou a hora de Viola ter o seu Oscar.

Indicações ao Oscar saem nesta terça: veja quem pode surpreender

Você pode ver o anúncio dos indicados amanhã por volta das 11h em https://www.youtube.com/user/Oscars.

#oscars #films #cinema 

As melhores reações ao discurso histórico da Meryl Streep no Twitter

BingeWatchMe
há 9 meses105 visualizações
As melhores reações ao discurso histórico da Meryl Streep no Twitter
Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸

Em uma noite de Globo de Ouro que caminhava para o total esquecimento, muito por conta do inofensivo Jimmy Fallon e do fato de que as grandes estrelas da premiação eram Emma Stone e Ryan Gosling (fofos, mas faltou um star power veterano), Meryl Streep subiu ao palco para fazer tudo valer a pena.

Ela lembrou que Hollywood, tão criticada por seu elitismo, é na verdade uma terra de estrangeiros, citando a origem de vários atores ali presentes. Ressaltou a importância da liberdade de imprensa em uma época cada vez mais sombria. Não deixou os eleitores de Donald Trump esquecerem que ele tirou sarro de uma pessoa com deficiência física. Chamou o desempenho do presidente eleito de uma "performance". Falou sobre como o insulto e a violência estão cada vez mais comuns e validados. Incentivou seus colegas a transformarem um coração partido em arte, como disse Carrie Fisher.

Não nos restou outra reação além de:

E os americanos já fazem lobby para a chapa Meryl Streep/Viola Davis na próxima eleição:

O crítico de TV do UOL, Mauricio Stycer, falou uma verdade:

Esperamos que você encontre alguém que te olhe como todo mundo olha para a Meryl Streep:

Um tweet da Ellen, por motivo de Ellen. "Nunca houve alguém como Meryl Streep. Eu a amo".

Outra absoluta verdade:

Chegou um soldado norte-americano lacrando. "Se alguém reclamar do discurso da Meryl Streep, saiba que eu lutei por oito anos para ela poder dizer o que quiser".

Obviamente, chegou a hora do próprio Trump responder com sua maturidade costumeira. 

UMA. DAS. ATRIZES. MAIS. S_U_P_E_R_E_S_T_I_M_A_D_A_S. DE. HOLLYWOOD.

MERYL

STREEP

SUPERESTIMADA

Só um meme brasileiro para lidar com isso.

Sério.

"Então eu estou ouvindo dos fãs do Donald que, porque a Meryl Streep é uma atriz, suas palavras não têm valor. Ao contrário de, digamos, uma estrela de reality show".

É só o começo, Mr. Trump.

#merylstreep #donaldtrump #goldenglobes #hollywood #politics

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por
Writer avatar
BingeWatchMe
Equipe Storia Brasil