Esportices
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Esportices
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Esportices
ic-spinner
Todo mundo tem uma história para contar
Encontre as melhores histórias para ler e autores para seguir. Inspire-se e comece a escrever grandes histórias sozinho(a) ou com seus amigos. Compartilhe e deixe o mundo conhecê-las.

Ninguém quer assumir o peso de substituir Tite no Corinthians

Chuchu Beleza
há um ano1 visualizações

Quem não gostaria de comandar um time grande? Para quem pensa que é o sonho de todo treinador, fique sabendo que tem gente recusando assumir o hoje organizado campeão brasileiro Corinthians. O fantasma Tite assusta.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Ninguém quer assumir o peso de substituir Tite no Corinthians

Não entendeu? Eduardo Baptista, da Ponte Preta, Roger Machado, do Grêmio, e Fernando Diniz, do Oeste, disseram não ao Corinthians por medo de ficar à sombra do ex-treinador.

Todos sabem que a pressão por assumir o Alvinegro atualmente é um grande risco e estão arrumando desculpas para recusar o Corinthians.

Diniz tem um projeto no Oeste. Como assim? O que fará num clube que nem joga em sua cidade?

Ninguém quer assumir o peso de substituir Tite no Corinthians

E Baptista quer honrar contrato com um clube que já chutou treinadores com poucos jogos no ano após dois resultados negativos. Acha que será eterno em Campinas?

Ninguém quer assumir o peso de substituir Tite no Corinthians

O último "não" veio esta manhã, de Roger Machado, que resolveu permanecer no comando do Grêmio, onde faz um belo trabalho e briga pelo título nacional este ano.

Ninguém quer assumir o peso de substituir Tite no Corinthians

Ele, como muitos outros que estão começando na carreira, sabem que assumir um clube bastante vitorioso nas mãos de Tite é um enorme desafio, um risco à carreira.

Tite virou ídolo dos corintianos. Conquistou a inédita Libertadores, o Mundial, dois brasileiros, Paulista, Recopa e deu uma identidade à equipe.

O Alvinegro, sem craque, virou uma das equipes mais seguras e competitivas do País. O Corinthians leva poucos gols, não perde em casa e sempre está entre os melhores.

Ninguém quer assumir o peso de substituir Tite no Corinthians

Chegar com essa missão está espantando muita gente. Ou a direção muda a ideia se buscar um treinador jovem ou vai demorar para achar um comandante.

Mano Menezes, que já conhece o território e está desempregado, não goza de simpatia do presidente Roberto de Andrade, que o demitiu.

Ninguém quer assumir o peso de substituir Tite no Corinthians

Nomes como Abel Braga, Oswaldo de Oliveira e até do 'pofexô' Vanderlei Luxemburgo já circulam no clube. Quem você indicaria? Aposto numa surpresa da direção. Por enquanto, o auxiliar Fábio Carrille assume.

Ninguém quer assumir o peso de substituir Tite no Corinthians
Ninguém quer assumir o peso de substituir Tite no Corinthians
Ninguém quer assumir o peso de substituir Tite no Corinthians

Futebol mineiro agoniza, com quatro times na zona de queda nas Séries A e B

Chuchu Beleza
há um ano2 visualizações

O futebol mineiro foi destaque nos últimos anos no País com o Cruzeiro bicampeão brasileiro e o Atlético-MG erguendo as taças da Libertadores e da Copa do Brasil. O América ganhou o estadual atual e o Tupi vem de acessos e boas campanhas. Mas a fase virou e hoje o quarteto acordou na zona se rebaixamento das Séries A e B.

Colaborar com amigos em assuntos que você ama
Pedir coautoria ▸
Futebol mineiro agoniza, com quatro times na zona de queda nas Séries A e B

É bom lembrar que o Atlético-MG ainda joga na rodada. Mas visita o complicado Internacional, no Beira-Rio.

As competições ainda estão no começo, mas é bom os times abrirem os olhos. Nós últimos anos, sempre um grande acabou rebaixado. O Vasco já cumpre o duro ritual do disputar a Série B pela terceira vez.

O Galo já caiu uma vez e outros gigantes já amargaram esse vexame, como Botafogo, Fluminense, Palmeiras, Corinthians e Grêmio. Vale ligar o sinal de alerta.

Na história, quem virou o turno na lanterna não conseguiu reagir e acabou caindo. O América, campeão mineiro, está em último após levar 3 a 1 do Botafogo e já trocou de comando quatro vezes. Aposta, agora, no português Sérgio Vieira, que já perdeu duas.

Futebol mineiro agoniza, com quatro times na zona de queda nas Séries A e B

O Cruzeiro também aposta num português, mas não embala sob o comando de Paulo Bento. O desliza da vez aconteceu diante do Flamengo, com derrota por 1 a 0 no Mineirão. Como desculpa, usa o alto número de desfalques.

Futebol mineiro agoniza, com quatro times na zona de queda nas Séries A e B

O Atlético-MG aposta na badalada dupla ofensiva formada por Robinho e Fred para buscar a taça. Mas ainda derrapa e tem de arrumar a defesa, que levou sete gols nos últimos dois jogos.

Futebol mineiro agoniza, com quatro times na zona de queda nas Séries A e B

Marcelo Oliveira, bicampeão com o rival Cruzeiro e finalista da Copa do Brasil quatro vezes seguidas (ganhou com o Palmeiras) ainda não justificou a contratação.

Futebol mineiro agoniza, com quatro times na zona de queda nas Séries A e B

O Tupi, que sempre vem aprontando no Estadual e acumulou acessos recentemente, também decepciona na Série B, na qual ocupa o 19° posto.

Futebol mineiro agoniza, com quatro times na zona de queda nas Séries A e B

Até quando esse inferno astral mineiro vai durar. Tomara que pouco tempo.

Você leu a pasta de história
Story cover
escrita por
Writer avatar
Chuchu.Beleza
Equipe Storia Brasil