Chama olímpica
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Chama olímpica
1BB34097-F786-44E7-9A1A-E8A05C0914DB
Burger
Chama olímpica
ic-spinner
Everyone has a story to tell
Find the best stories to read and people to follow. Get inspired and start writing great stories yourself or with your friends. Share and let the world know.

Arquibancadas vazias nos Jogos causam estranhamento geral. Veja as explicações

Se tem uma coisa que tem indagado o torcedor que está na frente da tevê nessas Olimpíadas é o fato de muitos jogos estarem com lugares vazios nas arquibancadas. Tanto que a imprensa (brasileira e mundial) já tem feito muitas matéria sobre este assunto.

Collaborate with friends on topics you love
Request co-authorship ▸

Nesta quarta-feira, o tabloide inglês 'Daily Mail' soltou a seguinte reportagem: 'Os Jogos Olímpicos são para ser o melhor show esportivo da Terra. Então por que há tantos lugares vazios?' E, com ela, as seguintes fotos.

Arquibancadas vazias nos Jogos causam estranhamento geral. Veja as explicações
Arquibancadas vazias nos Jogos causam estranhamento geral. Veja as explicações
Arquibancadas vazias nos Jogos causam estranhamento geral. Veja as explicações
Arquibancadas vazias nos Jogos causam estranhamento geral. Veja as explicações

Nessas quatro imagens, podemos ver dois jogos que teoricamente deveriam estar cheios: uma partida do basquete feminino, com os EUA em quadra, e uma disputa do vôlei de praia com o Brasil. A canoagem e o rugbi, vamos ser sinceros, não são modalidades que atraem tanto o público brasileiro. Mas é Olimpíada!!!!! E em uma Olimpíada uma arquibancada vazia desse jeito é espantoso.

O Comitê Organizador Rio-2016 tratou de dar explicações nessa semana e o diretor de ingressos Donovan Ferreti justificou o fato de muitas sessões estarem com os bilhetes esgotados, mas sem as arquibancadas lotadas: "Os ingressos estão vendidos. O que pode estar ocorrendo em muitos casos é que, nestes primeiros dias, temos muitas entradas que valem para dois jogos, a sessão dupla. E aí é uma decisão do torcedor chegar mais tarde, ou mesmo ir embora mais cedo, assistindo a apenas um dos jogos."

Sim, esta pode ser uma causa, mas será que é só isso? Claro que não. Tem ainda o fato de 5% dos ingressos (cerca de 300 mil) estarem nas mãos dos patrocinadores, e aí sabe como é né: nem sempre quem ganha o ingresso aparece. Pode ser também culpa do preço: ainda encontramos bilhetes para muitas finais, por exemplo, mas o valor ultrapassa os R$ 500 em algumas modalidades. E, nos primeiros dias, talvez a maior explicação seja mesmo a questão da desorganização dos Jogos e da própria torcida, que chegava em cima da hora para as partidas e encontrava filas gigantes para entrar.

O jornal inglês 'Daily Mail' lista ainda outros três fatores que não consigo acreditar: o medo do Zika vírus, a localização dos estádios e a venda ilegal de ingressos (esse último caso até pode ser).

Segundo os organizadores dos Jogos, 84% dos ingressos já estão vendidos. Uma matéria do 'Estadão' nesta quarta-feira diz que o Comitê Organizador planeja trazer para o parque olímpico crianças de escolas públicas do Rio de Janeiro para ocupar as arquibancadas vazias, principalmente em modalidades menos tradicionais no país.

Para não ficar com a síndrome de vira-lata, vamos lembrar que problemas parecidos apareceram em Londres, e militares foram levados às arquibancadas para dar volume quatro anos atrás.

Uma das modalidades mais concorridas no Rio, e que rapidamente teve todos os ingressos esgotados, o tênis tem uma metodologia difícil de entender num primeiro momento. No total, são 10 quadras. Alguns bilhetes dão direito a apenas jogos da quadra central (num período que pode ir das 10h às 16h, por exemplo, o que já justifica alguma partida meio vazia) ou aos jogos das quadras 1 ou 2 com a seguinte observação: 'os ingressos também dão acesso às quadras 3 a 9, de acordo com disponibilidade' E, aí, pode realmente ocorrer o fato de muitos torcedores ficarem migrando de quadra em quadra. 

A questão é que temos ainda muitos dias de Olimpíadas pela frente e o Comitê corre para resolver o problemas das arquibancadas vazias. Como já mostramos anteriormente aqui, ainda há ingressos sobrando para várias modalidades, mas o que queremos é não ver mais situações como da foto abaixo.

Arquibancadas vazias nos Jogos causam estranhamento geral. Veja as explicações

#jogosdorio #jogos2016 #rio #riodejaneiro #olimpiadas

Cadê o legado? Veja fotos de instalações olímpicas abandonadas mundo afora

Após a Copa do Mundo de 2014, várias notícias começaram a rolar que um ou outro estádio virariam 'elefantes-brancos'. Ou seja, depois de milhões de reais investidos nas novas arenas, algumas delas pouco seriam utilizadas.

Collaborate with friends on topics you love
Request co-authorship ▸

Agora, com as Olimpíadas, o assunto não é muito diferente. Qual será o legado olímpico que teremos após agosto? 

Algumas sedes anteriores dos Jogos também passaram por isso, e nesta série de fotos podemos perceber que nem sempre o resultado é o melhor esperado. Claro que há casos diferentes e vários motivos para um possível abandono, mas é possível ver que Atenas sofreu com a crise política e vários locais de competição de 12 anos atrás estão hoje abandonados. 

Atenas 2004

Olha só o estado da piscina da Vila Olímpica.

Cadê o legado? Veja fotos de instalações olímpicas abandonadas mundo afora

Berlim 1936

Depois dos Jogos, o complexo onde estava a piscina serviu como abrigo para as tropas alemãs, e depois para tropas russas durante a Segunda Guerra Mundial.

Cadê o legado? Veja fotos de instalações olímpicas abandonadas mundo afora

Atenas 2004

Arquibancada do local das provas de canoagem: parece a arquibancada das ruínas do Parthenon, ao lado da velha Acrópole.  

Cadê o legado? Veja fotos de instalações olímpicas abandonadas mundo afora

Pequim 2008

Aqui ocorriam os jogos do vôlei de praia. A arena continua lá montada e servindo pra nada. 

Cadê o legado? Veja fotos de instalações olímpicas abandonadas mundo afora

Atenas 2004

Mais um desperdício na Grécia, no caso a piscina olímpica.

Cadê o legado? Veja fotos de instalações olímpicas abandonadas mundo afora

Berlim 1936

Só sobraram escombros na Vila Olímpica.

Cadê o legado? Veja fotos de instalações olímpicas abandonadas mundo afora

Atenas 2004

O que dizer das imediações do estádio olímpico? 

Cadê o legado? Veja fotos de instalações olímpicas abandonadas mundo afora

Atenas 2004

E o estádio de softball então? Descaso total

Cadê o legado? Veja fotos de instalações olímpicas abandonadas mundo afora

Pequim 2008

Na periferia da cidade, o local das provas de canoagem está deserto.

Cadê o legado? Veja fotos de instalações olímpicas abandonadas mundo afora

Atlanta 1996

O estádio olímpico foi implodido em 1997 para dar lugar a um estacionamento.

Cadê o legado? Veja fotos de instalações olímpicas abandonadas mundo afora

Jogos de Inverno de 1984, Sarajevo

Pista de Bobsleigh: parte dela é hoje uma pista de bicicleta, bem bonita. Mas outra parte está em total abandono.  

Cadê o legado? Veja fotos de instalações olímpicas abandonadas mundo afora

Jogos de Inverno de 1968 em Grenoble, na França

Torre de salto de esqui. A vista é bela, mas o abandono é total. 

Cadê o legado? Veja fotos de instalações olímpicas abandonadas mundo afora

É por essas e outras que várias cidades estão desistindo de se candidatar a sediar os Jogos. Um recado claro ao Comitê Olímpico Internacional (COI): receber a Olimpíada pode ter um custo alto demais, insustentável.  

#olimpiadas #Rio2016 #jogos2016 #jogosdorio

You've read the story folder
Story cover
written by
Writer avatar
DaniBoy
Equipe Storia Brasil