CURIOSIDADES

Menino de 10 anos corrige erro do Museu de História Natural de Londres

Daniel Akstein
Author
Daniel Akstein

Ir a um museu é ganhar conhecimento, aprender um pouco mais sobre aquilo que vamos ver. E quando vamos a um museu e, ao invés de aprender, vemos um erro e ensinamos? Foi o que aconteceu com o menino inglês Charlie Edwards, de apenas 10 anos, no Museu de História Nacional de Londres.

Fascinado pelo mundo dos dinossauros, o garoto percebeu um erro que com certeza passou batido por especialistas. Uma das etiquetas informativas apontava um Oviraptor andando sobre quatro pernas, mas, segundo Charlie, essa espécie de dinossauro andava sobre duas pernas. E o animal da ilustração era na verdade um Protoceratops (foto abaixo).

Menino de 10 anos corrige erro do Museu de História Natural de Londres

Os pais do garoto acharam meio estranho o Museu errar, mas por via das dúvidas resolveram enviar um email avisando. Dias depois, o Museu mandou uma carta ao menino confirmado o erro e dizendo que ele realmente estava correto.

Menino de 10 anos corrige erro do Museu de História Natural de Londres

"Querido Charlie, estou escrevendo para lhe agradecer por entrar em contato conosco para apontar um erro que você percebeu na nossa galeria de dinossauros quando você nos visitou em julho. Você realmente está correto: a etiqueta não mostrava a silhueta correta do Oviraptor. Falei com toda a equipe da exposição e com nosso professor de paleontologia e ciências terrestres Paul Barrett e vamos corrigir a etiqueta", diz a carta.

Charlie, que sofre da síndrome de Asperger (uma forma mais branda de autismo), ficou todo feliz quando recebeu a resposta do Museu. "Charlie costuma encontrar um assunto que ama e tenta aprender muito sobre isso, então é bom que ele tenha sido capaz de mostrar o que ele aprendeu", disse Jade, a mãe do garoto, ao jornal The Mirror. 

Menino de 10 anos corrige erro do Museu de História Natural de Londres

#dinossauro #museu #londres #criança #lição #aprendizado