LUGARES

Locais abandonados se tornam assustadores sem perder a beleza

Fábio Tava Hecico
Autor
Fábio Tava Hecico

Fico triste quando vejo um lugar ou algo abandonado. Normalmente interessantes, muitos deles acabam se tornando assustadores, apesar da manutenção da beleza. Aqui veremos maravilhas esquecidas e se deteriorando com o tempo.

Parques de diversões parecem cidades fantasmas quando vão à falência e seus proprietários optam pelo abandono dos brinquedos, deixando muita história de diversão para trás.

Mesmo em ruínas, assim como casas, prédios ou construções, esses locais mantêm a estrutura e a natureza trata de dar um ar de beleza, mesmo que sejam horripilantes pelo ar de abandono.

Plantas, flores, um raio de sol ou um entorno com vida são suficientes para as ruínas ganharem vida. São bonitos de longe ou mesmo com certa proximidade, mas você teria coragem de entrar, por exemplo, numa casa ou um farol há muitos anos desabitado como esses da galeria? Duvido.

Locais abandonados se tornam assustadores sem perder a beleza
Locais abandonados se tornam assustadores sem perder a beleza
Locais abandonados se tornam assustadores sem perder a beleza
Locais abandonados se tornam assustadores sem perder a beleza
Locais abandonados se tornam assustadores sem perder a beleza
Locais abandonados se tornam assustadores sem perder a beleza
Locais abandonados se tornam assustadores sem perder a beleza
Locais abandonados se tornam assustadores sem perder a beleza
Locais abandonados se tornam assustadores sem perder a beleza
Locais abandonados se tornam assustadores sem perder a beleza
Locais abandonados se tornam assustadores sem perder a beleza
Locais abandonados se tornam assustadores sem perder a beleza