FUTEBOL

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

Fábio Hecico
Yazar
Fábio Hecico

Já virou marca registrada e um péssimo exemplo dos clubes brasileiros a dança dos técnicos. Mas a vergonhosa mania de trocas de comandos vai se superar para o pior em 2016. Restando três meses para o ano terminar, apenas um time da elite não optou por mudar de treinador.

Com a queda de Roger Machado no Grêmio na quarta-feira - a diretoria jura que jamais pensou na saída - Dorival Junior, no Santos, virou o último dia Moicanos.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

Apenas o comandante santista não caiu entre os 20 clubes da Série A - vale ressaltar que Jorginho iniciou a temporada com o Vasco, que disputa a Série B. Do mais, tem clubes já com a quarta direção diferente.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

Roger optou pelo pedido de demissão após ver o desempenho do time cair sobre seu comando. Outros também não saíram põe causa dos dirigentes, mas são casos raros.

Veja dança de comando nos clubes da Série A:

AMÉRICA-MG

Lanterna da Série A não encontra o rumo e agora tenta um milagre com Ederson Moreira. Antes, não se achou com Givanildo Oliveira e Sérgio Vieira.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

ATLÉTICO-MG

O Galo começou o ano com o uruguaio Diego Aguirre, que caiu após queda na Libertadores e deu lugar a Marcelo Oliveira

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

ATLÉTICO-PR

Cristóvão Borges iniciou o ano no clube, mas perdeu o emprego após resultados ruins no Estadual e Paulo Autuori assumiu.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

BOTAFOGO

Ricardo Gomes optou por deixar o recém promovido à elite para assumir o São Paulo. O auxiliar Jair Ventura assumiu e está bem.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

CHAPECOENSE

Guto Ferreira fazia belo trabalho no clube, mas oferta tentadora o fez trocar o sul pelo nordeste e ele abriu vaga para Caio Junior.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

CORINTHIANS

Tite só saiu do Corinthians para servir a seleção brasileira, é bem verdade, mas seu substituto, Cristóvão Borges, vive na corda bamba.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

CORITIBA

Pachequinho iniciou o ano no Coxa, mas não resistiu aos tropeços e Gilson Kleina foi contratado. Também não deu certo e agora é Paulo César Carpegiani quem tentar livrar o clube da queda.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

CRUZEIRO

Deivid era uma aposta de renovação da diretoria, mas a eliminação no Mineiro obrigou a troca pelo português Paulo Bento. O gringo não arrumou a cada e Mano Menezes voltou para nova salvação.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

FIGUEIRENSE

O clube Catarinense faz uma de suas piores temporadas e o reflexo está na troca de comandos: começou o ano com Hudson Coutinho, mudou para Vinícius Eutrópio e Argel Fucks e agora está com Tuca Guimarães.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

FLAMENGO

Muricy Ramalho era a aposta por ano fantástico, mas problemas de saúde abreviaram a passagem só comandante na Gávea. Zé Ricardo assumiu e faz bonito.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

FLUMINENSE

Eduardo Baptista perdeu o cargo após fracasso no Carioca e agora o time tenta arrancada no Nacional sob a batuta de Levir Culpi

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

INTERNACIONAL

O Colorado sofre com a ameaça de queda na elite em um ano muito abaixo do esperado e com trocas de comando: Argel Fucks e Falcão foram demitidos e a barca está nas mãos de Celso Roth.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

PALMEIRAS

Marcelo Oliveira decepcionou na largada da temporada e Cuca chegou para apagar incêndio e está muito bem, obrigado.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

PONTE PRETA

A equipe campineira agora faz bom papel com Eduardo Baptista, mas não iniciou mal o ano com Vinícius Eutrópio e depois Alexandre Gallo.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

SANTA CRUZ

Marcelo Martelotte foi o primeiro a cair, depois veio Milton Mendes e agora é Doriva quem tentar evitar o rebaixamento.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

SÃO PAULO

Melhor time brasileiro na Libertadores viu Edgardo Bauza acertar com a seleção argentina e agora aposta tudo em Ricardo Gomes.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

SPORT

Falcão iniciou a temporada, mas o início ruim do Brasileiro custou seu emprego, agora com Oswaldo de Oliveira.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano

VITÓRIA

Vágner Mancini fazia bom trabalho até o meio do ano. De repente a fase virou e ele não resistiu ao tropeço diante do Flamengo, no fim de semana. Argel Fucks assume o terceiro clube na Série A em 2016. Todos na luta contra a queda.

Brasil se supera na dança dos técnicos:só 1 resiste na elite desde início do ano