ESPORTES

Capitão do Manchester United e da seleção inglesa troca futebol pelo boxe

Autor

Muitos atacantes não conseguiram superar o zagueiro do Manchester United e da seleção inglesa Rio Ferdinand dentro de campo. Alto e forte, o aposentado jogador era um paredão e agora vai se dedicar ao boxe profissional, por terapia.

Capitão do Manchester United e da seleção inglesa troca futebol pelo boxe

Aos 38 anos, o ex-jogador encontrou em cima do ringue uma maneira de superar um pouco a falta da mulher, Rebecca Ellison, que morreu em 2015, vítima de câncer. Concentrado nas lutas, ele deixa os problemas de lado, acredita.

Ferdinand optou por ingressar no mundo das lutas também para manter a forma após a aposentadoria dos gramados. De acordo com o The Guardian, seus combates serão filmados para um documentário de TV. A primeira luta oficial será o episódio final do programa.

O ex-zagueiro aguarda apenas receber a licença da Associação Britânica de Boxe para iniciar na nova carreira. Ele se inspira em Curtis Woodhouse, que defendeu o Sheffield United no futebol e foi campeão britânico do superligeiro em 2012.